Politica

''Pessoa com HIV é uma despesa para todos nós'', aponta Bolsonaro

Em coletiva, Bolsonaro elogiou a ministra Damares Alves por campanha de abstinência sexual e falou que a pessoa com HIV é uma despesa para o sistema público de saúde

Ingrid Soares
postado em 05/02/2020 14:20
Saída do Presidente Jair Bolsonaro do Palácio do AlvoradaO presidente Jair Bolsonaro comentou, nesta quarta-feira (5/2), a campanha de abstinência sexual da ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves. Bolsonaro afirmou que "uma pessoa com HIV, além de ser um problema sério para ela (si própria), é uma despesa para todos aqui no Brasil".

Bolsonaro ainda criticou a forma como outros presidentes trataram a questão da gravidez precoce e disse que a liberdade defendida pelo PT é uma "depravação total".

"Essa liberdade que pegaram ao longo do (governo do) PT, (em) que vale tudo, chega a esse ponto, uma depravação total", acrescentou.

Além de elogiar a ministra, o mandatário do país disse apoiar a abstinência sexual como forma de evitar a gravidez na adolescência. "Quando ela fala em abstinência sexual, esculhambam ela. Quem quer? Eu tenho uma filha de nove anos, você acha que eu quero minha filha grávida no ano que vem? Não tem cabimento isso aí. É essa a campanha que ela faz", apontou Bolsonaro na saída do Palácio da Alvorada.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação