Politica

TST aprova teletrabalho

Correio Braziliense
Correio Braziliense
postado em 12/03/2020 04:05
A pandemia de coronavírus também afetou a Justiça do Trabalho no Brasil. A ministra Maria Cristina Peduzzi, presidente do Tribunal Superior do Trabalho, determinou o teletrabalho (conhecido como home office) a todos os servidores que viajaram a países afetados pela doença. ;As chefias imediatas deverão conceder o regime de teletrabalho temporário pelo prazo de 15 dias aos servidores que tenham regressado de viagens a localidades em que o surto da covid-19 tenha sido reconhecido;, determinou a ministra.

A medida está em vigor desde ontem. A presidente da Corte também decretou aos funcionários afastados que informem aonde estiveram um dia antes de voltarem ao trabalho. Em caso de dúvidas, a recomendação é entrar em contato com a Secretaria de Saúde do tribunal.

Decisão semelhante foi tomada pelo Tribunal Regional do Trabalho da 24; Região, em Mato Grosso do Sul, que determinou a quarentena de quatorze dias a todos os magistrados, servidores e estagiários que tenham retornado de viagem a localidades atingidas pelo coronavírus.



Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação