Politica

Bolsonaro volta a atacar Congresso: 'quero aprovar o que interessa ao povo'

Chefe do Executivo disse que não quer ser melhor do que o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, e nem que o da Câmara, Rodrigo Maia

Agência Estado
postado em 16/03/2020 11:54

Bolsonaro em atoO presidente Jair Bolsonaro manteve o tom de conflito com o Congresso Nacional e disse, em entrevista à Rádio Bandeirantes, que não quer ser melhor do que o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, e nem que o da Câmara, Rodrigo Maia. "Quero aprovar o que interessa ao povo".

[SAIBAMAIS]Bolsonaro concentrou os ataques a Maia, e disse que as críticas que recebeu do presidente da Câmara, principalmente após participar de atos públicos ontem em Brasília, são parte do jogo de disputa de poder. "Maia me chamando de irresponsável ontem foi um ataque frontal. Estou pronto para conversar com Congresso, mas está em jogo disputa de poder", afirmou. "Dá para reverter críticas a Maia, é só começar a trabalhar pelo Brasil", emendou.

Para o presidente, o acordo sobre o Orçamento Impositivo que gerou uma crise entre Executivo e Legislativo colocou o ministro Luiz Eduardo Ramos, da Secretaria de Governo, "na parede para compromissos futuros". "Talvez Ramos se perdeu por inexperiência e honestidade", disse.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação