Publicidade

Correio Braziliense

"A gente já chegou no limite", diz Bolsonaro sobre economia do país

O presidente comentou ainda sobre o auxílio de R$ 600 aos trabalhadores informais para tentar amenizar os impactos econômicos da pandemia do novo coronavírus


postado em 30/03/2020 11:03 / atualizado em 30/03/2020 14:45

(foto: Marcos Corrêa/PR)
(foto: Marcos Corrêa/PR)
O presidente Jair Bolsonaro afirmou, na manhã desta segunda-feira (30/3), ao deixar o Palácio da Alvorada que a economia do país chegou ao limite com as medidas de restrição tomadas por governadores. 

"A gente tem levantamentos nossos, pode não ser o mais preciso. Já chegou no limite. Peço a Deus que eu esteja errado, mas não vou furtar da minha responsabilidade em troca desse bem tratado por vocês", disse Bolsonaro.

O presidente comentou ainda sobre o auxílio de R$ 600 aos trabalhadores informais para tentar amenizar os impactos econômicos da pandemia do novo coronavírus. A medida foi aprovada na Câmara dos Deputados em uma votação emergencial na semana passada e passará por votação no Senado nesta tarde. Segundo o texto, os valores serão pagos durante três meses, podendo ser prorrogados por conta da crise do Covid-19. Bolsonaro disse, caso seja aprovado, o benefício deverá ser operacionalizado “o mais rápido possível.”
 

"Paulo Guedes está em Brasília desde ontem. Estou em contato com ele. É o mais rápido possível. Afinal de contas, tem muita gente aí fora que deixou a informalidade, que não tem mais o que vender na rua e está com problema sério de levar um prato de comida para os seus filhos em casa", observou.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade