Publicidade

Correio Braziliense

General Heleno confunde nome do coronavírus e chama de "Covid-21"

O fato gerou memes e ocorreu após o ministro do GSI defender o presidente Jair Bolsonaro e criticar o governador do Maranhão, Flávio Dino por ter creditado ao chefe do Executivo os óbitos do coronavírus no estado maranhense


postado em 05/04/2020 11:22 / atualizado em 05/04/2020 14:34

(foto: AFP / EVARISTO SA)
(foto: AFP / EVARISTO SA)

O ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), o general Augusto Heleno, se confundiu sobre o nome do Covid-19 e acabou chamando a doença de Covid-21. O fato ocorreu após o general defender o presidente Jair Bolsonaro e criticar o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB) por ter creditado ao chefe do Executivo os óbitos do coronavírus no estado maranhense. Ele o chamou de "alienado" e "sonso". No último dia 3, Dino alfinetou a postura de Bolsonaro no "combate" à pandemia do novo coronavírus por meio das redes sociais. "Bolsonaro começou o dia com TREZENTOS brasileiros mortos na sua porta. À noite já são TREZENTOS E SESSENTA. E nem assim ele abandona vaidades e agressões. Impressionante tanto desprezo com a vida dos brasileiros", apontou o governador. 
 
O general ainda ironizou Dino ao colocar um ponto de interrogação ao chamá-lo de governador. Na manhã deste sábado (05), ele postou:  
 "Sexta-feira, 03 Abr, Flávio Dino, Gov(?) do Maranhão, creditou ao Pres Bolsonaro os 300 óbitos do Covid 21. Sempre acreditei, pelo passado histórico, que comunistas são seres alienados, sonsos, insensíveis e insensatos. Atitudes como essa confirmam esse perfil", escreveu.
 
  
 
A confusão do general foi parar nos "Trending Toppics" do Twitter. Após cerca de duas horas, Heleno apagou e fez um novo post. Dessa vez, com a nomenclatura correta do vírus. No entanto, os internautas não perdoaram e logo encheram a internet com memes, afirmando que Heleno está ‘à frente do seu tempo’ ao ter ‘descoberto’ outro tipo de vírus. Veja:
 
 
 
 
 
 
Exame de coronavírus
 
No último dia 31, o ministro também ficou entre os assuntos mais comentados do Twitter após postar nas redes sociais o resultado negativo do novo exame de testagem do Covid-19. No entanto, ao postar o documento, esqueceu de apagar os dados pessoais, como nome completo, RG, data de nascimento e CPF. Apesar da seriedade em ter os dados expostos para pessoas más intencionadas como golpistas, atentos, internautas também não perdoaram o descuido. Com as informações, teve quem fizesse filiação do general Heleno no Psol, em clube de futebol e mesmo serviços de streaming.
 
 
 
 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade