Publicidade

Correio Braziliense

Governo volta atrás na nomeação de Dante Mantovani para Funarte

Maestro, que associou rock com aborto e satanismo, havia sido nomeado nesta terça-feira em ato que foi visto como mais um claro sinal de desgaste entre Bolsonaro e Regina Duarte


postado em 05/05/2020 19:14 / atualizado em 05/05/2020 19:17

(foto: Canal Dante Mantovani/YouTube/)
(foto: Canal Dante Mantovani/YouTube/)
A renomeação do maestro Dante Mantovani à presidência da Fundação Nacional de Artes (Funarte) não durou 24 horas. Em edição extra do Diário Oficial da União (DOU), o governo federal tornou o ato sem efeito. Apesar de a pasta ser ligada à Secretaria Especial de Cultura, de Regina Duarte, ambas as portarias foram assinadas pelo ministro-chefe da Casa Civil, general Braga Netto.

Mantovani havia sido exonerado no dia 4 de março, mesmo dia que Regina Duarte tomou posse como nova secretária após semanas de negociação com o presidente Jair Bolsonaro. O maestro, que gerou grande polêmica ao associar rock com sexo, satanismo e aborto, havia sido nomeado pelo antecessor de Regina, Roberto Alvim. Alvim, por sua vez, foi demitido após discurso no qual fez apologia ao nazimo. 

Assim, a nomeação de Mantovani nesta terça-feira (5), foi mais um sinal claro de desgaste entre Regina Duarte e o presidente Jair Bolsonaro. Na semana passada, o presidente lamentou o fato de a secretária estar em São Paulo, e não em Brasília, e disse que "ela tem dificuldade". Cinco dias depois, ela voltou à Brasília e hoje está na capital federal.

Em meio a isso, em um áudio obtido pela revista Crusoé, foi possível ouvir a secretária dizendo que está sendo dispensada pelo presidente Jair Bolsonaro. "Que loucura isso, que loucura. Eu acho que ele está me dispensando", afirmou. Segundo a revista, o diálogo entre Regina e uma assessoria se deu depois que a atriz ficou sabendo que o maestro Dante Mantovani havia sido nomeado à presidência da Funarte.

A revista Crusoé diz ter ouvido a conversa após ligar para a assessora, que atendeu a ligação enquanto falava com a secretária. "Eu já estava esperando. Essa noite eu passei a noite; acordava de uma em uma hora e falava assim: ta esquisito, tá muito esquisito", diz a atriz em um trecho. O áudio divulgado pela revista contém trechos da conversa completa. 


Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade