Publicidade

Correio Braziliense

Bolsonaro almoça com Mario Frias após ele se oferecer para cargo de Regina

O encontro ocorreu após Bolsonaro ter postado mais cedo nas redes sociais um vídeo de uma entrevista de Frias concedida à CNN Brasil no qual ele fala sobre a atual secretária da Cultura, Regina Duarte e se oferece para o cargo


postado em 19/05/2020 16:57 / atualizado em 19/05/2020 17:45

(foto: Gabriela Bilo/Estadao)
(foto: Gabriela Bilo/Estadao)
O presidente Jair Bolsonaro almoçou na tarde desta terça-feira (19/05) com o ator Mario Frias no Palácio do Planalto. O encontro ocorreu após Bolsonaro ter postado mais cedo nas redes sociais um vídeo de uma entrevista de Frias concedida à CNN Brasil no qual ele fala sobre a atual secretária da Cultura, Regina Duarte e se oferece para o cargo. 

Também estavam presentes no almoço o presidente do Flamengo, Rodolfo Landim e o presidente do Vasco, Alexandre Campelo. Eles discutiram sobre a retomada do futebol durante a pandemia de coronavírus. Nas fotos postadas pelo médico do Flamengo, Márcio Tannure, é possível ver Frias sentado do lado direito do chefe do Executivo. O senador Flávio Bolsonaro e o presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson também participaram. A reunião não consta na agenda oficial do presidente. 

No vídeo postado mais cedo por Bolsonaro, que data do último dia 6, apesar de dizer que “torce por Regina”, Frias se coloca à disposição do governo "para o que ele precisar" em uma eventual troca de titular. Durante o debate na emissora com o ator Fúlvio Stefanini, Frias foi questionado sobre a eventual possibilidade de assumir a Secretaria no lugar da atriz.

"Pro Jair, cara, o que ele precisar eu tô aqui. Eu torço demais pra Regina, eu sou fã dela, mas pelo Brasil eu tô aqui, o que for preciso. Respeito o Jair demais, vejo o Brasil com chance de finalmente ser respeitado", apontou.

A postagem de Bolsonaro coloca em dúvida o futuro de Regina, que já enfrentava um clima de fritura por parte da ala ideológica do governo.

A própria Regina disse acreditar que estava sendo ‘dispensada’ pelo presidente Bolsonaro. "Que loucura isso, que loucura. Eu acho que ele está me dispensando", disse. 

A afirmação foi dita pela secretária a uma assessora em uma conversa que foi obtida pela revista Crusoé. Conforme a revista, o diálogo se deu depois que Regina ficou sabendo que o maestro Dante Mantovani foi renomeado no último dia 5 à presidência da  Fundação Nacional de Artes (Funarte). 

Mantovani havia sido exonerado no dia 4 de março, mesmo dia que Regina Duarte tomou posse como nova secretária. O maestro, que gerou grande polêmica ao associar rock com sexo, satanismo e aborto, havia sido nomeado pelo antecessor de Regina, Roberto Alvim. A recondução, no entanto, não durou 24 horas. Em edição extra do Diário Oficial da União (DOU), o governo federal tornou o ato sem efeito.  

Ainda assim, a nomeação iô-iô de Mantovani foi mais um sinal claro de desgaste entre Regina Duarte e o presidente.  Quando ainda estava em home office em São Paulo, o chefe do Executivo lamentou o fato de a secretária estar fisicamente longe e não em Brasília e disse que "ela tem dificuldade". 

No dia seguinte, Regina retornou à Brasília e se reuniu com Bolsonaro em um almoço onde pareceu terem ‘acertado os pontos’, ao menos por enquanto.

A presença de Frias no almoço [que nada tem a ver com futebol] é visto como um balde de água fria e ajuda a aumentar ainda mais a dúvida sobre a permanência de Regina na pasta da Cultura.


Convidados e presidente não obedecem medidas contra coronavírus

Nas fotos do almoço é possível analisar ainda que nenhum dos mais de dez participantes segue a determinação do Ministério da Saúde e da Organização Mundial da Saúde (OMS) que inclui medidas de distanciamento social e o uso de máscaras de proteção. O uso não ocorre antes e nem após a refeição. Os presentes ainda tiraram fotos próximos uns aos outros. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade