Politica

Truculência não será tolerada

postado em 14/06/2020 04:16
Com bom trânsito no Palácio do Planalto, o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, ficou irritado com a agressividade dos apoiadores do presidente Bolsonaro. Ibaneis reagiu a um vídeo, divulgado nas redes sociais, por um suposto integrante de um dos acampamentos desarticulados ontem. O chefe do Executivo disse que não aceitará ameaças. ;Sempre respeitei todo tipo de manifestações no meu governo, mesmo quando houve algum tipo de irregularidade, como o desrespeito à determinação do uso de máscaras ou distanciamento social. Nunca reprimi. Mas não admito ameaças;, afirmou ao Correio. Ibaneis acrescentou: ;Esse tipo de conduta não será tolerada. Quem agir assim será preso. Vou pedir a prisão de todos que agirem com truculência ;.

O governador se referiu especialmente aos discursos agressivos de alguns manifestantes que circulam nas redes sociais, desde a desocupação dos acampamentos de produtores rurais ao lado do Ministério da Agricultura e dos ativistas do movimento ;300 pelo Brasil;, pela Polícia Militar do DF.

Num dos vídeos, um suposto produtor rural afirma: ;Nós vamos mostrar para o senhor com quem o senhor mexeu. O senhor mexeu com o povo que sustenta esse país;. Com dedo em riste, ele continua: ;Nós sabemos dos seus podres, sabemos que você foi o líder dos 20 governadores em Brasília que tentaram derrubar o presidente. E nós estamos aí para defender o presidente;.
Ibaneis disse que o autor das ameaças já está identificado e deverá ser preso.

;Sempre respeitei todo tipo de manifestações no meu governo, mesmo quando houve algum tipo de irregularidade. Nunca reprimi. Mas não admito ameaças;

Ibaneis Rocha,
governador do DF

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação