Publicidade

Correio Braziliense

Mesmo após críticas, Bolsonaro inicia live novamente com sanfoneiro

Live com várias pessoas sem máscara contou com a presença do presidente da Embratur, que tocou sanfona


postado em 02/07/2020 19:37 / atualizado em 02/07/2020 19:40

Bolsonaro criticou governadores na live semanal(foto: Reprodução)
Bolsonaro criticou governadores na live semanal (foto: Reprodução)
O presidente Jair Bolsonaro iniciou mais uma vez a habitual live, nesta quinta-feira (2/7), com uma música tocada em sanfona. A presença do presidente da Embratur, Gilson Machado Neto, tocando sanfona foi homenagem prestada às vítimas do coronavírus na semana passada

 

A homenagem foi ridicularizada por comentaristas do programa Governo Sombra, do canal português SIC. "O Bolsonaro diz: 'é uma homenagem aos que se foram', mas não diz que são pessoas. Pode ser uma homenagem muito bonita a um gato morto. Simplesmente porque a homenagem reproduz o som de gatos que estão a sofrer", debocha um dos comentaristas.

 

A live teve a presença do presidente da Caixa, Pedro Guimarães; do presidente do Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur), Gilson Machado Neto; do secretário da Pesca, Jorge Seif Júnior; e do ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho. Todos estavam sem máscara.

 

Tossindo, o presidente, mais uma vez, deu uma afinetada nos governadores que aderiram ao fechamento do comércio para conter o avanço do coronavírus. "Nós consideramos o Brasil um só. A boa notícia vem do agronegócio. O pessoal não parou de trabalhar, enquanto no resto do país estava tendo uma competição de quem protegia mais a população", afirmou. 

 

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade