Publicidade

Correio Braziliense

Ex-ministro Geddel Vieira testa positivo para covid-19 em presídio da Bahia

A Seap informou que Geddel tem sintomas leves e já fez a contraprova


postado em 09/07/2020 00:41 / atualizado em 09/07/2020 00:47

(foto: Minervino Junior/CB/D.A Press)
(foto: Minervino Junior/CB/D.A Press)
Em um teste rápido, o ex-ministro Geddel Vieira Lima, 61 anos, foi diagnosticado como positivo para a infecção por covid-19. As informações foram dadas pelo advogado do ex-ministro ao portal G1 nesta quarta-feira (8/7). 

Geddel cumpre pena no Complexo Penitenciário da Mata Escura, em Salvador, pela condenação no caso do bunker dos R$ 51 milhões. 

Segundo a Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização da Bahia (Seap), Geddel tem apenas sintomas leves e já fez um exame de contraprova. Ainda de acordo com a secretaria, ele segue isolado de outros detentos.

Prisão


Geddel foi preso preventivamente em julho de 2017, após a Polícia Federal apreender aproximadamente R$ 51 milhões em dinheiro em um apartamento em Salvador. Em 2019, ele foi sentenciado a 14 anos de prisão por suposta associação criminosa e lavagem de dinheiro, pela Segunda Turma do STF.

Em março, a defesa de Geddel pediu que ele deixasse a cadeia em Salvador por ver risco de contágio pelo novo coronavírus. O ex-ministro, segundo advogados, é portador de doenças crônicas. Entretanto, a solicitação foi negada.

Na ocasião, os advogados do ex-ministro argumentaram que apesar da secretaria de administração penitenciária do Estado da Bahia ter restringido visitas aos presídios, "é fato público e notório que isso não elimina o risco de transmissão da doença aos internos, sobretudo considerando o fluxo de novos presos e agentes penitenciários que diariamente entram e saem do local”.
 
*Com informações da Agência Estado 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade