Politica

PGR pede Queiroz de volta à prisão

postado em 04/08/2020 04:13
Fabrício Queiroz e Márcia Aguiar cumprem prisão domiciliar

A Procuradoria-Geral da República (PGR) pediu, ontem, que sejam restabelecidas as prisões do ex-assessor Fabrício Queiroz e da esposa dele, Márcia Oliveira de Aguiar. A solicitação foi encaminhado pelo subprocurador-geral da República Roberto Luís Oppermann Thomé ao ministro Félix Fischer, do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Na peça, ele argumenta que não foi constatada qualquer ;ilegalidade; na prisão da dupla. O subprocurador também destacou que Márcia Aguiar teve a prisão preventiva revogada quando ainda estava foragida, o que não encontra respaldo na jurisprudência do Poder Judiciário.

Queiroz e a esposa foram liberados em 9 de julho, por decisão do presidente do STJ, João Otávio de Noronha. Ele alegou riscos para a saúde de Queiroz e avaliou que a detenção foi autorizada por um juiz que não tem atribuição no caso.

Com o fim do recesso do Judiciário, Noronha deixa de ser o responsável pelas decisões no plantão, e o caso volta para Fischer. O ministro, porém, está internado. Ele voltou ao hospital, com mal-estar, mas o quadro é estável, segundo o mais recente boletim médico. O magistrado foi operado em 27 de julho por causa de obstrução intestinal, em consequência de uma hérnia interna, e ficou quatro dias internado. Ele retornou ao hospital no domingo. ;Após avaliação e realização de exames, a equipe médica constatou tratar-se de uma intercorrência comum em pós-operatórios;, informa a nota do hospital. (RS)





Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação