Publicidade

Correio Braziliense MODA E NEGÓCIOS

Balanço do Rio-à-Porter


postado em 04/06/2010 20:45 / atualizado em 04/06/2010 20:49

Além de modelos, estilistas e maquiadores, circulam nos corredores do Cais do Porto, onde acontece o Fashion Rio, empresários e investidores. São 6 mil profissionais do mundo inteiro, que foram ao Rio de Janeiro prestigiar o Rio-à-Porter, a maior feira de negócios de moda do Brasil que acontece paralelamente ao evento de moda.

A expectativa dos organizadores era que os negócios da feira crescesse 30% em relação à edição de janeiro. O volume de vendas, entretanto, aumentou 70%. Foram R$ 927 milhões movimentados internamente e as exportações chegaram a US$ 21 milhões. Os resultados são projeções de vendas para o ano inteiro, pois a feira tem como objetivo criar contatos no salão e mantê-los ao longo da temporada.

A segunda feira de 2010 foi 53% maior que edição de janeiro. O número de compradores nacionais aumentou em 16% e, entre os internacionais, o evento recebeu compradores de países como África do Sul, Austrália, Canadá, Espanha, EUA, Grécia, Holanda, Irlanda, Itália, Líbano, Portugal, Rússia e Inglaterra. As 253 marcas ocuparam 11.750 metros quadrados e com expositores de todas as regiões do país.

O Rio-à-Porter trouxe como novidades para o verão 2011 um espaço exclusivo dedicado a marcas francesas. Cinco empresas foram representadas: Didier Parakian, Bleu Blanc Rouge, Cocomenthe, Aventures des Toiles e Weill. Juntas, elas trouxeram 11 grifes. Além disso, a Federation Francaise Du Pret A Porter Feminin – que promove feiras como o Pret-à-porter de Paris e o Paris Fashion Days – também participou do Rio-à-Porter em um estande próprio.

O objetivo da parceria internacional era que empresas brasileiras importassem produtos franceses. Mas algumas marcas acabaram fechando com a feira francesa uma representação de vendas na Europa. “O mundo está de olho no Rio e nós temos que aproveitar esse momento para crescer”, anunciou Eduardo Eugênio Gouvêa Vieira, presidente do Sistema Firjan. O Rio-à-Porter e o Fashion Rio receberam, juntos, público de 90 mil pessoas e investimento de R$ 13 milhões.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade