Publicidade

Estado de Minas ENCONTRO COM O CHEF

Toque de Midas

A comidinha do dia a dia pode ganhar ares de superprodução com alguns truques e temperos


postado em 02/06/2011 13:10 / atualizado em 03/06/2011 19:02

(foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A.Press)
(foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A.Press)
Quem nunca chegou do trabalho e abriu a panela sobre o fogão, em um dia de almoço qualquer, e não desejou que aquela comida fosse outra, totalmente diferente? E quem nunca desejou, no meio da maratona de self services e restaurantes, uma comida legitimamente caseira? É simples. Comer no conforto do lar uma refeição que a gente sabe que é fresquinha, sem pressa, à vontade, sem ter que pagar conta no fim, é um privilégio. Mas, em algum momento, é absolutamente natural que a gente enjoe daquele feijão com arroz, do tempero de sempre, das mesmas combinações. É um dilema que acompanha muita gente. Até porque, na correria dos dias úteis, não resta muito tempo para tirar do livro aquela receita mirabolante que há tempos você sonha em testar. A boa notícia é que o antídoto para esse clima de mesmice no fogão não é nada trabalhoso. Quem explica é o chef Leonard Baco, da Casa do Baco. “Comer bem não é pagar caro nem ter muito trabalho. É saber como valorizar e misturar sabores”, ensina. Ele nos brinda com dicas valiosas para tornar cada almoço do meio da semana em um verdadeiro banquete. Anote aí:

- As ervas e temperos são a chave dessa mudança. Corra ao supermercado e compre ervas novas para sua despensa. Segundo o chef, as essenciais são: alecrim, manjericão, orégano, salsa, tomilho, canela em pau e açafrão. As frescas são sempre a melhor opção, mas é importante fazer um pequeno estoque das mesmas ervas em versão seca.

- “Você pode reinventar o sabor de qualquer prato com uma nova combinação de temperos e aromas (ervas)”, explica. Por exemplo, ao fim do preparo do feijão, Baco costuma jogar um pouco de orégano seco e manjericão fresco na panela. O feijão ganha um novo frescor.

- Algumas guarnições também fazem a vez dos temperos. A cenoura, por exemplo, é um excelente ingrediente para o molho de tomate. Seu açúcar natural quebra a acidez do tomate e deixa um levíssimo sabor adocicado na receita.

- O bom e velho arroz pode ganhar novos sabores sem grandes dificuldades. Pique todas as ervas que você tiver à disposição e agregue à panela. Outra dica interessante, que vai muito bem com o arroz integral, é acrescentar ao refogado de cebola um pequeno punhado de gengibre picadinho. Vai fazer toda a diferença.

- O gengibre também vai bem com o frango, por exemplo. Faça um molho simples com gengibre, leite de coco e açafrão para o franguinho de sempre.

- Qualquer carne vermelha fica superbem com sabor da canela. Por exemplo, quando fizer um ensopado de carne, jogue na panela dois paus de canela e uma cebola inteira espetada com cravos (cebola piquet). O sabor é inebriante.

- Varie nas guarnições. Fatie um pepino e tempere-o com gengibre em pó, vinagre e um pouco de açúcar. Deixe-o marinando nessa mistura por algumas horas.

- Reinvente a forma de preparar batatas. Experimente fatiá-las em lâminas, e as distribua em um recipiente de vidro, alternando com camadas de molho bechamel (molho branco) com pitadas de noz moscada moída. No fim, um punhado de queijo ralado. Leve ao forno.

- Outra ideia deliciosa é pegar seu bom e velho purê de batatas e acrescentar os temperos em pó. Para cada 300g dessa mistura, acrescente uma gema de ovo. Misture bem e faça pequenos montinhos, ou mesmo bolinhas desse purê em uma forma forrada com papel manteiga. Ele vai virar um delicioso bolinho com casquinha crocante.

- O truque da batata no forno enrolada ou coberta com papel alumínio é imbatível. Basta um sal grosso e alecrim como tempero. Se quiser elaborar, adicione páprica.

- Por fim, a principal dica é perder o medo da inventividade na cozinhe. “Brinque com as ervas. Com todas elas. Coloque-as na receita que bem entender. Elas dão uma nova graça à comida. Você só precisa de uma ideia, disposição e três tentativas. A primeira a gente pode errar para mais, a segunda para menos, e a terceira sempre dá certo.” Palavra de chef.


Picadinho à mineira com banana-da-terra

(foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A.Press)
(foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A.Press)
 

Ingredientes
800g de coxão mole cortado em tirinhas
1 cebola média
2 folhas de louro
1 ramo de tomilho
500g de tomates sem semente
1 dente de alho picado
10ml de conhaque (ou destilado de sua preferência)
1 colher de sopa de azeite
2 bananas-da-terra
1 colher de sopa de trigo
1 ovo batido
100g de farinha de rosca

Como fazer
Numa caçarola, aqueça o azeite, doure as tirinhas de carne e reserve-as ainda malpassadas.
Refogue bem as cebolas na mesma panela da carne, até que fiquem translúcidas.
Acrescente o alho e as folhas de louro e continue a refogar.
Junte o tomate sem sementes cortado em tiras, mexa e tampe por 5 minutos até que comece a desmanchar.
Adicione a carne reservada, o ramo de tomilho e deixe ferver em fogo baixo até engrossar o caldo e cozinhar a carne.
Enquanto isso, descasque e corte as bananas em 4 pedaços cada.
Role cada pedaço pela farinha de trigo, depois pelo ovo batido e, por último, pela farinha de rosca, até cobrir toda a banana com o empanado.
Frite em óleo quente até que doure. O óleo não pode estar muito quente ou a banana ficará escura demais sem cozinhar direito.
Sirva com arroz, feijão preto e uma farofinha de sua preferência.
Rendimento: 4 porções
Tempo de preparo: 30 minutos

Frango com calabresa e azeitonas no molho balsâmico

(foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A.Press)
(foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A.Press)
 

Ingredientes
4 coxas de frango
4 sobre coxas de frango
1 gomo de calabresa cortado em fatias grosas
12 azeitonas
100g de bacon cortado em cubos
1 copo de vinagre comum
1/2 copo americano de vinagre balsâmico
2 colheres de sopa de açúcar mascavo (ou mel)
1 ramo de salsa picada
1 cebola média picada

Como fazer
Numa frigideira grande, junte o bacon com uma colher de sopa de água e leve ao fogo. Doure todos os lados do bacon e reserve.
Na mesma panela, doure as calabresas e reserve. Ainda na mesma panela, doure os pedaços de frango e reserve.
Acrescente a cebola picada e refogue bem.
Junte os vinagres e o açúcar, mexendo sempre até soltar todo o “caramelo” formado no fundo da panela.
Volte com todas as carnes e deixe cozinhar.
Se estiver muito ácido, acrescente mais açúcar.
Por último, adicione as azeitonas e só então acerte o sal (se necessário).
Sirva com purê de batatas, arroz cremoso ou farofa.
Rendimento: 4 porções
Tempo de preparo: 30 minutos

Casa do Baco Buffet e Catering
SHCN/CL 311, Bloco D, Sala 62
8117-9036

  • Tags
  • #
Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade