Publicidade

Estado de Minas BELEZA

Só na misturinha

Ficou apaixonada por aquele esmalte estrangeiro maravilhoso, mas a grana anda curta para comprá-lo? Juntando alguns tons de marcas tupiniquins, é possível chegar a uma cor bem parecida ou, quem sabe, criar uma personalizada


postado em 29/04/2012 08:00 / atualizado em 20/04/2012 13:28

As cores das unhas também têm tendências. Basta prestar atenção nas mãos das famosas em eventos, novelas e revistas de celebridades para saber qual é a última moda. Mas, assim como ocorre com as roupas, as novidades geralmente vêm das grifes estrangeiras, que chegam ao Brasil a preços mais salgados. As marcas nacionais até tentam, mas é difícil chegar ao tom exato, que imite com perfeição a versão gringa. Para resolver o problema, as aficionadas em unhas encontraram a solução perfeita. Uma camada desse, mais duas daquele, um outro para finalizar e… voilá! A cor perfeita em versão mais em conta. A Revista procurou as melhores receitas e apresenta as misturinhas que imitam os esmaltes mais badalados.

(foto: Impala/Divulgação, Chanel/Divulgação, Risqué/Divulgação, Colorama/Divulgação, Dior/Divulgação)
(foto: Impala/Divulgação, Chanel/Divulgação, Risqué/Divulgação, Colorama/Divulgação, Dior/Divulgação)

No potinho

As misturinhas não são feitas só nas unhas. Para quem procura uma cor mais aproximada, ou gostou tanto que quer repetir a dose, dá para criar seu próprio esmalte. Na internet, não faltam receitas para fazer a mistura no potinho. É importante prestar atenção nas proporções — algumas receitas falam em centímetros e outras trabalham com gotas — e na ordem.

Mas também é possível criar seu esmalte personalizado e dar um jeito naquele outro que a cor não ficou tão bonita nas unhas. O teste é a melhor forma de chegar a um bom resultado. Por isso, é preciso um pouco de paciência e bom humor para descartar as cores que não deram certo e tentar de novo. E não esqueça de anotar as medidas para repetir quando necessário.

Para misturar, é preciso…
- Vidro de esmalte vazio, devidamente limpo com removedor de esmaltes e bem seco. Existem lojas que vendem os vidrinhos vazios. 
- Um parafuso ou uma bolinha de aço inoxidável para misturar melhor as cores. Mesmo agitando ou mexendo com o palito, os tons não se misturam tão bem quanto com o parafuso.
- Palito para ajudar a mexer.
- Diluente de esmaltes para arrumar a textura da misturinha. Mas, atenção, removedor de esmaltes e acetona não têm o mesmo efeito e não são indicados.
- Uma régua milimetrada.


Leia a íntegra desta reportagem na edição nº362 da Revista do Correio

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade