Publicidade

Estado de Minas

Primeiro dia de SPFW tem sedas e organzas nas passarelas

A sensualidade ficou por conta dos decotes e recortes. Muitas fendas e transparências, que, se não exibiam o corpo, insinuavam as formas


postado em 13/04/2015 20:19 / atualizado em 13/04/2015 20:51


A moda brasileira está em clima de festa. O maior evento de tendências da América Latina comemora 20 anos. O SPFW Verão 2016 começou nesta segunda-feira (13/4) mais uma temporada e mostra nas passarelas o que vai ser considerado "fashion" na próxima estação quente.

A Animale foi a primeira a desfilar. A marca apostou em uma alfaiataria desconstruída e optou pela nobreza de tecidos, como sedas e organzas. A sensualidade ficou por conta dos decotes e recortes. Muitas fendas e transparências, que, se não exibiam o corpo, insinuavam as formas.

A modelagem das peças foi desenhada para uma mulher de classe, que aprecia calças de cintura alta, maxicoletes e maxiblazer. A Uma Davidowicz também escolheu uma coleção clássica e sexy. Moda feita para uma mulher elegante e ousada. Inclusive a paleta de cores de ambas as grifes se apresentaram sóbrias para uma estação quente: branco, preto e cinza. Cor vibrante mesmo, só os toques em amarelo ouro pincelado pela Animale.

A repórter viajou a convite do evento.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade