Publicidade

Correio Braziliense MODA

As principais tendências da SPFW

Durante seis dias, diversas marcas brasileiras apresentaram suas coleções e principais apostas para as próximas temporadas


postado em 29/04/2019 20:00 / atualizado em 02/05/2019 10:46


(foto: Agência Fotosite)
(foto: Agência Fotosite)

 
Depois de seis dias de desfile, chegou ao fim a 47ª edição da São Paulo Fashion Week. Com um line up repleto de marcas novatas e alguns veteranos, o evento mostrou as maiores tendências da moda brasileira para as próximas estações. 
Mariana Santiloni, expert da WGSN, empresa de previsão de tendências, adianta algumas das principais novidades que ela observou nas passarelas. “Muitas opções fluidas, principalmente vestidos e peças com apelo artesanal.” Coleções com grandes contrastes de cores, como bege e neon, também estavam em alta. 
Na beleza, a prevalência da saúde e do cuidado com a pele. Na grande maioria dos desfiles, a pele era leve e natural, com pouca cobertura, e blush e brilho para dar aspecto de saudável. As massagens faciais e os séruns estavam presentes em vários backstages, sendo parte importante do ritual da maquiagem. 
No cabelo, Mariana adianta que as presilhas estão com tudo. De grampos simples e aparentes a presilhas divertidas com frases, elas fizeram a cabeça de modelos e convidadas. 

All White

Unanimidade nas passarelas, o all-white chegou para ficar. Com variações entre o off-white, pérola e marfim, as marcas apresentaram looks a tendência tal qual sua maneira. 
Na Apartamento 03, o branco foi incorporado na alfaiataria típica da grife. Para dar singularidade aos looks, a marca optou por um mix de texturas. A Handred, marca carioca, aderiu à transparência. 
No dia a dia, pode ser difícil adotar um look total branco. A dica é apostar em vestidos ou peças únicas, que são mais fáceis de combinar. Acessórios são indispensáveis e, muitas vezes, um ponto de cor nos looks. Aposte em brincos, cintos, bolsas e sapatos coloridos. No desfile da Modem, detalhes nos acessórios trouxeram toques de cor aos looks monocromáticos. 

Fluidez

Tendência que vem aparecendo há algumas temporadas, a fluidez e os plissados estiveram presentes nessa SPFW. Marcas como as estreantes Aluf (Projeto Estufa) e Neriage tem a leveza no DNA. 
O plissado quebrou a barreira das saias e invadiu também as blusas e os vestidos. Composições assimétricas contrastaram com modelagens retas e contínuas. 
Para adotar, invista em tecidos como a organza — o movimento e a transparência são a cara do frescor de verão. 

Vermelho

Vermelho é a cor mais quente. Praticamente todas as marcas apresentaram opções de modelagens e looks inteiramente avermelhados. A opção funciona tanto em looks de inverno, como casacos e jaquetas, quanto em biquínis — o vermelho é versátil. 

 

Streetwear

Tendência consagrada internacionalmente nas mais diversas passarelas, o streetwear não ficou de fora do SPFW. Marcas como Another Place e Cacete Company, sensações entre influencers, apresentaram looks alinhados com as ruas, a noite e os jovens. 

Como adaptar?

Muitas vezes, as tendências de passarela parecem muito distantes do mundo palpável. No entanto, elas não precisam ser levadas ao pé da letra. Mariana Santiloni, expert da WGSN, explica que existem maneiras mais fáceis de usar um look de passarela na vida real. “A forma mais comercial de adaptar tendências das passarelas para o dia a dia é através de cores, combinação de cores, coloração de estampas, fluidez e acabamento de materiais”, explica. 
 
Ver galeria . 9 Fotos A Aluf, participante do Projeto Estufa, apresentou peças com fluidez. Os plissados apareceram tanto nas saias quanto nas blusas. Agência Fotosite
A Aluf, participante do Projeto Estufa, apresentou peças com fluidez. Os plissados apareceram tanto nas saias quanto nas blusas. (foto: Agência Fotosite )
 
*Estagiárias sob supervisão de Sibele Negromonte

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade