Revista

Cultivo doméstico de ervas e temperos ajuda na alimentação

Aprenda com especialistas como plantar em casa e ter uma alimentação mais saudável

Tayanne Silva*
postado em 21/05/2020 09:00
 (foto: Fotos: Arquivo Pessoal)
(foto: Fotos: Arquivo Pessoal)
Lorena Germano fez um canteiro pequeno em casa e alterna  o plantio. Atualmente, tem tomate
A autossuficiência alimentar é uma prática antiga, mas algumas pessoas a têm adotado, recentemente, como uma medida de emergência diante da pandemia e por causa da preocupação com a origem dos alimentos. Para fazer uma horta em casa, segundo a nutróloga Nívea Bordin Chacur, é necessário montar jardineiras, preferencialmente, de 30cm de largura por 1.20m de comprimento, substrato de terra e argila para drenagem da água. ;Toda hortaliça/tempero plantado em casa deve ser regada somente com água. É importante frisar que a adubação deve ser feita de maneira orgânica (casca de banana, laranja, mamão etc.).;

Ela alerta que antes de consumir deve-se lavar muito bem o alimento, pois dependendo da adubação ; se for química ; pode-se ter um quadro alérgico. ;Por isso, é recomendado, nestes tipos de alimentos, fazer uma adubação orgânica;, explica Nívea, graduada pela Universidade Luterana do Brasil (ULBRA).

De acordo com a nutróloga Marcella Garcez, existem várias opções de suportes compactos, que podem ser colocados nos parapeitos de janelas, varandas ou mesmo dentro da cozinha para deixar os vegetais sempre ao alcance das mãos. A médica lembra que um dos principais fatores para um espaço de plantio bem-sucedido é uma boa iluminação. ;Isso é essencial para a escolha das espécies e as mais indicadas para crescer no local;, explica ela, mestre em Ciências da Saúde pela Escola de Medicina da PUCPR.

Marcella orienta que, se houver sol desde a manhã até o fim da tarde, podem ser cultivados legumes, leguminosas como feijão, ervilha, vagem ou raízes, como cenoura e beterraba e/ou frutas brasileiras, como pitanga e jabuticaba. ;Se a luz do sol durar uma média de quatro a seis horas por dia, podem ser plantadas verduras e ervas para temperos, pimentas, frutas delicadas e ervas medicinais;, diz ela, diretora da Associação Brasileira de Nutrologia e docente do Curso Nacional de Nutrologia da ABRAN. ;Em lugares com luz solar por até duas horas, podem ser cultivadas algumas ervas para infusão clássicas, como a hortelã, erva-cidreira e boldo.;

A estudante e estagiária em serviço social Pamela Schapievski, 30 anos, conta que é muito vantajoso ter horta em casa, pois não precisa comprar hortaliças. ;Eu sei exatamente o que estou comendo, já que tudo foi plantado e cultivado por mim. Acho mais seguro e mais saudável;, afirma. Ela cultiva na sacada do apartamento, um espaço pequeno, mas é o suficiente. ;Penso em fazer um jardim vertical para ficar mais bonito porém, até lá, vou cultivando assim mesmo;, diz. Pamela tem orégano, hortelã, tomilho, cebolinha, manjericão roxo e verde, pimenta malagueta, alho poró e alguns que ainda não estão prontos para uso, porque são mudas bem novas.

Sementes e produção


Com a quarentena, muitas pessoas adotaram o consumo de alimentos produzidos em casa, por isso, priorizam espécies que cresçam rápido. Mas, quais sementes se deve usar? ;Algumas delas são: agrião, cebolinha verde e sálvia que em aproximadamente duas a três semanas podem ser colhidas;, ensina a nutróloga Marcella Garcez.

Segundo ela, também podem ser cultivados alface, rúcula, espinafre, nabo, rabanete ou ervas como tomilho, manjericão, coentro, salsa e hortelã, que se desenvolvem rapidamente e podem ser consumidas após 40 dias. ;As plantas como couve, pepino, vagem, ervilhas, acelga, mini cenouras e beterrabas estarão prontas em, no máximo, 60 dias;, diz ela, coordenadora da Liga Acadêmica de Nutrologia do Paraná.

"Eu sei exatamente o que estou comendo, já que tudo foi plantado e cultivado por mim. Acho mais seguro e mais saudável"
Pamela Schapievski, estudante e estagiária em serviço social

Alimentos e consumo


Conhecer as propriedades dos alimentos, as qualidades e a versatilidade dos vegetais produzidos, segundo Marcella, é importante para aproveitar ao máximo os nutrientes e evitar desperdícios. ;Geralmente não fazem mal à saúde, porém as plantas de cultivo doméstico são susceptíveis a pragas e doenças;, observa. ;A boa saúde dos vegetais não impede o aparecimento de espécies indesejáveis, que podem roubar os nutrientes e impedir a passagem da luz solar;, explica. ;Os insetos também podem causar danos e trazer riscos à saúde das plantas ou mesmo de pessoas, como no caso de aranhas e escorpiões;, alerta.

A médica acrescenta que existe uma variedades de insetos benéficos para o jardim e a horta, cuja presença é indício de que o ciclo de vida e morte está equilibrado. ;Porém, quando há descontrole, várias medidas naturais como infusão de sálvia, leite e florais, podem ajudar a combater os invasores. As ervas daninhas devem ser retiradas manualmente.;

A influencer digital Lorena Germano, 25 anos, dá dicas de casa no perfil @casanumero.zero, como limpeza, preparo de comida e o que plantar. ;Tenho coentro, pimenta, alho, babosa e tomate. Por ter um canteiro pequeno, eu vou alternando conforme a época;, relata. ;Acho muito vantajoso ter uma horta em casa, nem que seja pequena, pois nos traz um alimento mais saudável e, para mim, é prático.; Quando a jovem se mudou para a casa nova, havia uma cidreira plantada. ;Sempre gostei de comer todos os tipos de verdura e folhagem, mas mesmo assim comia muita besteira. Hoje, eu estou mudando minha alimentação em busca de perder peso e melhorar minha saúde;.

Decoração e saúde


Não sabe como montar uma horta em casa? O paisagista Henrique Freneda dá dicas de como transformar qualquer cantinho. Tudo dependerá do espaço disponível, um canteiro com terra ou um local grande. Primeiro, precisa colocar um cercadinho em volta para proteger do cachorro ou gato. Pode usar um separador de grama ou uma telinha ; sabe aquelas de galinheiro? Essa serve muito bem também;, aconselha ele, formado em designer.

Depois, precisa afofar a terra e colocar adubo ; prefira usar sempre o orgânico, quanto menos química, melhor. ;Espera três dias e vai molhando a terra, sem nada plantado. Nesse período, surgirá um matinho, é só retirar;, orienta ele. Agora, chegou a hora de plantar, não esqueça de deixar pelo menos um palmo de distância entre cada um. ;As verduras, por exemplo, precisam de espaço para poder crescer sem ficarem apertadas.;

Para quem não tem um canteiro, mas quer uma horta, ele indica usar vasos de cimento ou de madeira. Mas não é aconselhável usar os de plástico, pois costumam esquentar muito e serem prejudiciais para as plantinhas. ;Recomendo usar materiais que sugam mais a água e deixam a terra sempre molhada. Quando a gente pensa em uma horta em vasos, sempre é mais limitado, mas nada te impede de ter temperos e chás;, explica Henrique Freneda. ;Se está regando e começa a sair água por baixo, é a quantidade suficiente. Quando é no canteiro, pode acrescentar água até ficar molhado, mas sem exagero.;

*Estagiária sob supervisão de Taís Braga


Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação