Superesportes

Revezamento brasileiro bate recorde no Troféu Maria Lenk e fica perto das Olimpíadas

;

postado em 09/05/2008 22:08
Em uma série solitária, o quarteto brasileiro do revezamento 4 x 100 medley, composto por Fabíola Molina (costas), Tatiane Sakemi (peito), Gabriella Silva (borboleta) e Tatiana Lemos Barbosa (livre), com o tempo de 4m04s88 bateu o recorde sul-americano e tornou-se o 14º do mundo, ficando próximo das Olimpíadas de Pequim-2008. Isto porque, além dos doze primeiros colocados do Mundial de Melbourne do ano passado que já tem classificação garantida para os jogos olímpicos, restam quatro vagas para a competição que será realizada em agosto. Desta forma, com o 14º tempo do mundo hoje, o quarteto brasileiro estaria classificado para as Olimpíadas. Contudo, os países, segundo o estabelecido pela Fina, têm até 30 de junho para melhorarem seus tempos e até lá as quatro vagas ficam em aberto. O Brasil volta a tentar uma vaga nas Olimpíadas no próximo sábado, nos 4 x 100m livre feminino e, no dia seguinte, no 4 x 200m livre.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação