Superesportes

Suspeita de vender jogos, Inter de Milão entra na mira da Polícia

;

postado em 30/01/2009 14:08
Depois de Juventus e Milan, outro gigante italiano passou a levantar suspeitas da Polícia local: a Internazionale de Milão, que segundo notícia publicada no diário Il Giornale é acusada de vender algumas partidas da temporada 2007/08 - muito embora seja a atual tricampeã do torneio nacional local. Conforme publicado no jornal italiano, as investigações não recaem sobre nenhum jogador ou o técnico Roberto Mancini. A suspeita, contudo, se deve em conta à queda de produção do time neroazurro nas últimas rodadas do Italiano: a equipe milanesa chegou a ter dez pontos de frente sobre a Roma, vice-campeã, mas terminou a competição com apenas três de vantagem. "Certamente a tendência da Inter gerou também muitas e diversas situações que reconduzem ao mundo das apostas ilegais", consta no informe da Polícia italiana enviado ao Ministério de Milão para abrir o inquérito sobre o clube, que não teve nada a ver com os escândalos do Calciocaos de 2006, que rebaixou a então campeã Juventus para a Série B e penalizou também Milan, Fiorentina, Lazio e Reggina. Outra ocorrência que levantou suspeita foi o fato de jogadores de destaque da equipe então comandada por Mancini (hoje, pelo português José Mourinho), como o sueco Zlatan Ibrahimovic, terem sido poupados de partidas importantes. Além disso, tem-se a suspeita de que o zagueiro interista Marco Materazzi tem uma forte ligação com Domenico Brescia, que teria envolvimento com a máfia calabresa. Por enquanto, entretanto, o Ministério milanês lançou nota oficial negando qualquer investigação sobre o clube que conta com os brasileiros Júlio César, Maicon, Maxwell, Mancini e Adriano. "Não foi aberto processo de investigação algum sobre a edição 2007/08 do Campeonato Italiano, muito menos sobre a Inter", infirmou o órgão.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação