Publicidade

Correio Braziliense

Azul é a cor mais tensa

Cruzeiro visita o Grêmio e joga para evitar o inédito rebaixamento. O veterano centroavante Fred volta ao time titular, enquanto o meia Thiago Neves segue afastado. Equipe gaúcha busca se consolidar no G4


postado em 05/12/2019 04:16 / atualizado em 05/12/2019 08:12

Fred começou no banco na rodada passada, mas deve recuperar a posição hoje(foto: Bruno Haddad/Cruzeiro )
Fred começou no banco na rodada passada, mas deve recuperar a posição hoje (foto: Bruno Haddad/Cruzeiro )

Desesperado e tentando juntar forças para permanecer na Série A, o Cruzeiro enfrenta o Grêmio, hoje, às 19h15, na Arena Grêmio, em Porto Alegre, pela 37ª e penúltima rodada do Campeonato Brasileiro, na luta para evitar o rebaixamento, que seria o primeiro da história do clube celeste.

O time mineiro está em situação desconfortável na briga contra a queda — é o primeiro na zona do descenso, com 36 pontos, abaixo do Ceará, principal concorrente pela permanência na Série A. São sete jogos sem vencer e três derrotas consecutivas.

Nos dois trabalhos que comandou antes do duelo, o técnico Adilson Batista, o escolhido para “salvar” o Cruzeiro depois da saída de Abel Braga, priorizou a conversa com o elenco. O treinador dialogou com todo o grupo e também com alguns atletas separadamente, casos de Ederson e Fred.

É muito provável que o veterano centroavante retome a titularidade. No último jogo, a derrota por 1 x 0 para o Vasco, ele atuou apenas no segundo tempo. Na ocasião, quem começou a partida foi o camaronês Joel. Após o jogo, o treinador elogiou o desempenho de Fred.

Tentando montar uma estratégia tática eficaz para parar o Grêmio, Adilson deve promover outra alteração no time: a entrada de Edilson na vaga de Pedro Rocha, o que faria o lateral-direito colombiano Orejuela ser deslocado para o ataque para fazer uma dobradinha com Edilson e atuar como uma espécie de ponta.

O único desfalque é o meia-atacante Marquinhos Gabriel, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Thiago Neves também não joga, mas por outro motivo. O meia está afastado e, de acordo com o diretor de futebol Zezé Perrella, não veste mais a camisa do Cruzeiro e está livre para procurar uma nova casa.

O principal desfalque do Grêmio será o zagueiro Pedro Geromel. Ele não participou do último treino de preparação para a partida, ontem, por problemas físicos e será substituído por David Braz. Além disso, o técnico Renato Gaúcho manteve a dúvida entre Pepê e Diego Tardelli no ataque. O primeiro foi titular na última rodada, na vitória por 3 x 0 sobre o São Paulo, mas o centroavante volta a ficar à disposição.

Outros três jogadores retornam: o zagueiro argentino Kannemann, o volante Matheus Henrique e o atacante Alisson. Todos vinham sendo poupados das últimas atividades por conta de desgaste físico, mas voltam ao time titular.

Sobre a possibilidade de contribuir com o rebaixamento do Cruzeiro, o técnico Renato Gaúcho tirou a responsabilidade do Grêmio. “Não é o Grêmio nem nenhum outro time que vai rebaixar o Cruzeiro. Se isso acontecer, é consequência do que vem acontecendo no campeonato inteiro. Não é uma partida que vai definir. Somos profissionais e o Grêmio vai jogar como sempre jogou, para vencer”, disse o treinador.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade