Superesportes

Corinthians tenta diminuir a pressão contra o Santo André

O clima no clube está tenso por causa dos maus resultados recentes e a equipe precisa muito de uma vitória para acalmar os ânimos

Correio Braziliense
Correio Braziliense
postado em 26/02/2020 04:06
O Corinthians vai assumir a liderança do Grupo D do Campeonato Paulista se derrotar o Santo André hoje, às 21h30, em Itaquera, mas isso é o menos importante no momento. O clima no clube está tenso por causa dos maus resultados recentes e a equipe precisa muito de uma vitória para acalmar os ânimos, além de dar um pouco de tranquilidade para o técnico Tiago Nunes trabalhar.

Não bastasse a eliminação logo de cara na Copa Libertadores, diante do Guaraní-PAR, o Corinthians faz uma campanha fraca no torneio estadual. Em sete partidas, venceu apenas duas, e não ganha há três rodadas. Por isso, a pressão sobre o treinador cresce e a torcida organizada Gaviões da Fiel marcou um protesto para a tarde desta quarta-feira, no CT Joaquim Grava.

No último sábado, o time fez a crise ficar um pouco mais grave ao perder de virada para o Água Santa, em Diadema. É verdade que há nas redes sociais um movimento de torcedores em defesa de Tiago Nunes, mas certamente o clima vai ficar ainda pior, caso não seja obtido um triunfo sobre o Santo André, dono da melhor campanha do Paulista (seis vitórias e uma derrota).

A situação do Corinthians só não é pior porque os demais integrantes do Grupo D do Paulista também estão mal na competição. Mesmo tendo vencido só duas vezes, o time alvinegro é o vice-líder da chave, apenas um ponto atrás do Guarani e empatado com o Bragantino, mas com melhor saldo de gols. A chance de classificação ainda é grande.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação