Publicidade

Correio Braziliense

Ning: criando a própria rede social


postado em 02/03/2010 13:43

>>José Antônio Ramalho
Especial para o Correio


Se você tem um blog, atualiza sites de fotos e vídeos, usa o Twitter e está em alguma rede social, talvez fique até com preguiça de ter que atualizar todos eles. Ou, na prática, acaba deixando algumas das suas mídias sociais em segundo plano. O Ning é uma combinação de tudo isso e ainda mais. Por meio dele você pode criar sua própria rede social.

(foto: Ning/Reprodução da internet)
(foto: Ning/Reprodução da internet)
O cadastro é muito rápido, e depois de escolher o seu nome de usuário você deve selecionar um layout para o site entre as diversas opções oferecidas. Pode-se acrescentar um blog, um fórum, um bate-papo, área de fotos, de vídeo e de eventos. Se você tem Twitter, poderá conectar as postagens do Ning ao Twitter.

Será criado um e-mail interno do site, que você poderá usar para enviar textos, fotos e vídeos a partir de qualquer micro ou até mesmo celular.

O uso do site e a criação das redes sociais são gratuitos. Você apenas cede um espaço na tela para links patrocinados do Ning. Mas isso é algo que não interfere em nada no funcionamento do site. O Ning permite convidar amigos de outras redes sociais de forma muito simples, bastando apenas informar seu código de acesso e senha das outras redes para ter uma listagem dos amigos à sua frente. Aí basta selecionar aqueles que desejar

Antes de mais nada dê uma olhada nesse site www.ramalhoescritor.ning.com: ele foi criado enquanto esta coluna era escrita. Lá você poderá ver os seus recursos. Aproveite também para se cadastrar no Ning e seguir esse blog.

Pagando uma mensalidade, você pode usar um domínio próprio e retirar os anúncios. Veja só um exemplo desse tipo de aplicação. A rede social é totalmente desenvolvida usando o Ning.

Uma das opções de layout do Ning
Se você tem uma conta no Flickr poderá importar suas fotos que estiverem armazenadas por lá. Há diversas opções de personalizar e configurar sua página. Se quiser monitorar os acessos, você poderá incorporar um código HTML do Google Analytics, por exemplo.

Um destaque do Ning é a possibilidade de usar aplicativos que acrescentam funcionalidade ao site. Além de programas prontos, o usuário pode construir seus próprios aplicativos. Experimente o Ning, pois o melhor é que você pode receber visitas de qualquer usuário da internet. Não é necessário se cadastrar na rede para ver o Ning de outra pessoa.

Dalai-lama

O líder espiritual tibetano dalai-lama se inscreveu no site de microblogs Twitter, atraindo mais de 55 mil seguidores em apenas dois dias. A conta do Dalai Lama — www.twitter.com/DalaiLama — foi iniciada segunda-feira passada, um dia depois de sua reunião em Los Angeles com Evan Willians, um dos fundadores do Twitter. “Me reuni com o dalai-lama em Los Angeles. Ofereci a ele que usasse o Twitter. Ele riu”, disse Williams no site, após o encontro. No dia seguinte, entretanto, o líder espiritual abriu uma conta. A entrada do dalai-lama no Twitter ocorre um ano depois do serviço de microblogs suspender uma conta falsa do suposto líder tibetano, que atraiu milhares de seguidores.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade