Publicidade

Correio Braziliense

Teste: babá eletrônica monitora bebês a distância pelo iPhone e iPad


postado em 08/01/2013 11:33 / atualizado em 08/01/2013 11:44

(foto: Withings/Divulgação)
(foto: Withings/Divulgação)


As babás eletrônicas funcionam como um extensor dos olhos e dos ouvidos dos pais para que, ao mínimo barulho de choro, eles possam ir correndo amamentá-los ou apenas acalentá-los. Alguns aparelhos, no entanto, vão além das imagens e do som e avisam, inclusive, sobre as condições da umidade do ambiente onde a criança está. O Smart Baby Monitor da Withings é um desses e ainda conta com mais uma vantagem: o monitoramento pode ser feito por meio do iPhone, do iPod ou do iPad.

O dispositivo tem câmera de alta resolução com infravermelho (que permite monitorar o bebê mesmo no escuro completo), função de zoom de até quatro vezes e ainda permite movimentar o campo de visão, além de tirar fotos do ambiente. Há um sistema de áudio, que filtra os ruídos do ambiente, — exceto, claro, o do choro —, sensor de umidade, temperatura e de movimento. Outra vantagem é o tamanho e o design do aparelho. Quando fechado, é apenas um cubo e, ao ser aberto, tem o formato perfeito para mantê-lo na estante ou afixado no berço.

Se não fosse o bastante, o Smart Baby Monitor conta com sistema de cromoterapia. Por meio do aplicativo, o pai ou a mãe seleciona a cor que desejar e o aparelho, automaticamente, acende uma luz com a respectiva coloração. Além disso, há sete músicas de ninar com função timer, para fazer a canção parar após determinado tempo.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade