Publicidade

Correio Braziliense

Aplicativo para celular permite pagamentos práticos em casas noturnas

O programa figura na lista dos 10 apps mais baixados para os sistemas iOS e Android


postado em 05/02/2013 09:55

» Thiago Moreira

Bruno Iglesias (E) e Eduardo Pires, idealizadores do Mobipass: ideia veio de observações em boates e bares(foto: Roberto Ramos/DP/D.A Press)
Bruno Iglesias (E) e Eduardo Pires, idealizadores do Mobipass: ideia veio de observações em boates e bares (foto: Roberto Ramos/DP/D.A Press)

Quando você sai de casa para a balada com os amigos, qual item não pode faltar no seu bolso? Sua resposta — e a de muitos outros — foi o celular. Mais que necessário para comunicação e localização, o gadget está ganhando outra funcionalidade interessante: a de pagar rapidamente o consumo no local onde você está, sem precisar esperar um bom tempo nas filas para ser atendido. Essa é a proposta do Mobipass, solução móvel para pagamentos em boates, bares e restaurantes, criada pelo cientista da computação Eduardo Pires e pelo administrador Bruno Iglesias, ambos com 22 anos.

O aplicativo, com versões para iOS e Android, figurou na lista dos 10 apps mais baixados, nas primeiras semanas, resultado que superou as expectativas dos criadores. O funcionamento do Mobipass é bem simples. O usuário, ao entrar no estabelecimento credenciado, recebe a comanda e cadastra o número contido no cartão. A partir daí, pode acompanhar quanto já foi consumido, proporcionando maior controle dos custos. O processo de pagamento também é muito rápido. O cliente pode efetuar diretamente via celular, por meio dos cartões de crédito cadastrados no aplicativo. “É uma forma de não centralizar o pagamento, otimizando o serviço para clientes e funcionários”, explica Eduardo Pires. O consumidor ainda recebe uma cópia do cupom fiscal por e-mail e o caixa, a notificação do pagamento, liberando a saída.

Leia mais notícias em Tecnologia

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade