Publicidade

Estado de Minas

Pac-Man completa 35 anos. Relembre a história do clássico dos videogames

Jogo foi responsável por uma febre cultural nos anos 1980 e é um dos títulos mais influentes de todos os tempos


postado em 22/05/2015 11:20 / atualizado em 22/05/2015 11:26

(foto: Internet/Reprodução)
(foto: Internet/Reprodução)
 
 
Há exatos 35 anos, chegava aos fliperamas, no Japão, aquilo que viria a ser considerado um dos maiores clássicos dos videogames: Pac-Man. Muito conhecido também no Brasil pelo apelido de Come-come, o revolucionário jogo de arcade foi lançado em 22 de maio de 1980 e apresentou uma série de inovações no mercado.

Pac-Man foi criado por Toru Iwatani, um jovem desenvolvedor da Namco. O título levou aproximadamente um ano para ser completado. Um dos objetivos principais de Iwatani era criar um jogo que tivesse mais apelo para o público feminino, pois haviam poucas meninas interessadas em fliperamas, na opinião dele. Ao longo de 1979, então, ele trabalhou com uma equipe de nove pessoas na empresa para criar o que viria a ser o lendário personagem amarelado.

O conceito visual de Pac-Man foi criado por Iwatani com base no símbolo japonês que significa "boca". O desenvolvedor resolveu arredondá-lo, pintá-lo de amarelo e teve a ideia para o boneco de boca aberta. Por anos, Iwatani disse, em entrevistas, que o design havia sido inspirado por uma pizza da qual ele já havia comido dois pedaços, mas depois admitiu que a história era uma "meia-verdade".
 
(foto: Internet/Reprodução)
(foto: Internet/Reprodução)

 
Alguns meses depois do lançamento do jogo no Japão, Pac-Man chegou aos Estados Unidos em outubro de 1980. E foi em terras americanas que o game chamou a atenção do mundo inteiro, para, em seguida, transformar-se em um fenômeno da cultura pop.

Todo o conceito de Pac-Man era diferente dos outros jogos que faziam sucesso nos fliperamas na época, como Space Invaders e Asteroids, em que jogadores deviam atirar em alienígenas ou asteroides. Pac-Man, por outro lado, apresentou mecânicas originais e inventivas, como a introdução de labirintos, o uso de inimigos que perseguem o protagonista e itens que aumentam os poderes do herói.

Em pouco tempo, Pac-Man tornou-se um fenômeno. Logo surgiram campeonatos para premiar os melhores jogadores do game, com algumas competições transmitidas até mesmo na televisão. 

Com tantos fãs, jornais e revistas começaram a se interessar mais por relatar a “febre do Pac-Man”. Por isso, especialistas consideram que Pac-Man também foi responsável por trazer o mundo dos videogames pela primeira vez com sucesso para a atenção dos grandes veículos de mídia.



O sucesso de Pac-Man foi tão grande que, após a primeira década de existência do game, ele já havia arrecadado US$ 1 bilhão nas máquinas de fliperama nos Estados Unidos. Até o fim dos anos 1990, o valor subiu para US$ 2,5 bilhão. Hoje, de acordo com o GiantBomb, Pac-Man já passou a marca de US$ 12,8 bilhões, o que o torna o segundo videogame mais rentável de todos os tempos, perdendo apenas para Space Invaders (US$ 13,93 bilhões).

Desde o lançamento do primeiro Pac-Man, a série desenvolveu-se e rendeu mais de 30 continuações para uma variedade de plataformas. Curiosamente, a aparição mais recente do personagem não foi em um game próprio, mas sim no extremamente popular título de batalha Super Smash Bros, da Nintendo.

A mais nova grande homenagem a Pac-Man, porém, não é nos videogames, mas nas telas de cinema, com a estreia de Pixels, novo filme estrelado por Adam Sandler. No longa-metragem, Pac-Man aparece como uma ameaça de uma invasão alienígena e contracena com o próprio Toru Iwatani, criador do personagem.

Confira abaixo uma lista com algumas curiosidades sobre Pac-Man:

1 - O Pac-Man original, lançado em 1980, foi um dos 14 games selecionados pelo Museu de Arte Moderna de Nova York para compor a coleção permanente de jogos do local.

2 - Os quatro fantasmas que perseguem Pac-Man têm apelidos oficiais: Blinky (vermelho), Pinky (rosa), Inky (azul) e...Clyde (laranja). 

3 - Em Pac-Man, os fantasmas são programados para se espalharem por um tempo determinado para, em seguida, entrarem em modo de perseguição. Essa ideia foi implementada por Iwatani porque ele achava que o jogo seria estressante demais caso os inimigos seguissem Pac-Man o tempo inteiro.

4 - Uma das empresas que mais demonstrou apreço pelo icônico personagem amarelo foi o Google. No aniversário de 30 anos de Pac-Man, o doodle do site de buscas era uma versão jogável do game, aplicado à logo do Google. Além disso, este ano, o Google Maps permitiu durante dois dias que usuários jogassem Pac-Man, utilizando as ruas do mundo real como as pistas do labirinto.

5 - Pac-Man foi o primeiro mascote original dos videogames. Além disso, a série foi a primeira a conseguir um enorme sucesso na venda de produtos de merchandising, como mochilas, bonecos, camisetas, etc.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade