Publicidade

Estado de Minas

Análise: Moto X Force oferece muito mais do que a 'tela inquebrável'

Além das cinco telas e da garantia de 4 anos para o display, novo modelo do topo de linha da Motorola chama atenção pela bateria de alta duração


postado em 12/11/2015 15:49 / atualizado em 15/06/2016 15:48

(foto: Motorola/Divulgação)
(foto: Motorola/Divulgação)
 

 

Cansado de precisar trocar a tela do seu smartphone todas as vezes que ele cai? Não se preocupe, a Motorola já resolveu este problema. Lançado no final de outubro, em São Paulo, o Moto X Force, novo aparelho da família topo de linha, conta com Moto ShatterShield, uma nova tecnologia da marca que promete aparelhos com telas inquebráveis. Além do display indestrutível, o dispositivo apresenta 64GB de armazenamento interno, câmera traseira de 21MB e frontal de 5MB, flash dual color e Android Lollipop 5.1.1.

Com relação ao sistema operacional e as funções do celular, nada mudou. Os gestos intuitivos e presentes nos topos de linha desde a primeira geração do Moto X, continuam oferecendo as mesmas praticidades, só que com ainda mais velocidade, graças ao processador Snapdragon 810, que continua fazendo um ótimo trabalho e proporciona ao aparelho a capacidade de realizar tarefas simultâneas e rodar alguns jogos mais pesados.

A aparência do modelo é outro ponto que chama atenção. Fica claro que alguns dos elementos do Moto X Style e do Moto X Play serviram de inspiração para o visual do Force. Enquanto a traseira, as extremidades arrendodadas e os detalhes cerrados são praticamente iguais ao dos aparelhos mencionados, a frente do dispositivo conta com um design extremamente simples e pouco detalhada.


O posicionamento da bandeja do chip mudou e agora está na parte superior do dispositivo. A Motorola também adicionou ao aparelho uma tecnologia capaz de ajudar o usuário a economizar ao apontar qual a melhor operadora para realizar chamadas.

Resistente
Quatro camadas de tela e um chassi de alumínio garantem a tão sonhada invulnerabilidade para o display do Moto X Force. A primeira, uma lente externa desenvolvida pela Motorola, é a que fica em contato direto com o usuário e possui revestimento especial para garantir que não trinque. A segunda camada é uma lente integrada projetada para ser mais flexível que o vidro e apresentar alto índice de transparência. A terceira é uma camada dupla sensível ao toque e que oferece ao usuário um conjunto mais robusto e uma vida útil maior para o smartphone. A última, mas não menos importante, é uma tela Amoled flexível com a capacidade de absorver impactos e proporcionar uma qualidade de imagem fantástica.

Sim, a tela é realmente inquebrável. O Tecnologia submeteu o novo dispositivo da Motorola a um procedimento de verificação muito simples: deixamos o aparelho cair no chão. Apesar dos incontáveis tombos, o display não sofreu mais do que alguns arranhões. Caso as cinco camadas de proteção não se mostrem suficiente, os usuários que adquirirem o Force contarão com uma garantia de 4 anos que cobre avarias na tela; contanto que o aparelho seja utilizado corretamente.


(foto: Motorola/Divulgação)
(foto: Motorola/Divulgação)


A carcaça, uma base rígida de alumínio, não mostrou a mesma resistência do restante do dispositivo e apresentou algumas avarias. Nada tão grave a ponto de preocupar o usuário. É bom lembrar que o seguro estendido serve apenas para o display e não cobre nenhum tipo de mal funcionamento que o celular possa apresentar após o final da garantia normal.

Apesar de não ser a prova d'água, como a terceira geração do Moto G e do Moto X, o novo topo de linha conta com certificação IP58, que garante que o aparelho é resistente a poeira e respingos d’água.

Câmera
A câmera traseira continua com os 21MP do Moto X Play. O flash de LED dual-tone oferece cores mais quentes e vívidas. O software da câmera também oferece recursos interessantes, como o Rapid Focus e Zero Shutter, funcionalidades que praticamente zeraram os segundos necessários para verificar o foco escolhido pelo usuário antes de bater a foto.

 

Moto X Force - câmera traseira de 21MP - luz natural
Moto X Force - câmera traseira de 21MP - luz natural
 


Para quem não abre mão da selfies, o dispositivo conta com câmera frontal de 5MP com lente grande-angular, que consegue "enxergar" bem mais do que as câmeras convencionais. O flash frontal também oferece fotos melhor em ambientes pouco iluminados.

Bateria
A bateria do Moto X Force realmente impressiona e cumpre uma das promessas feitas pela Motorola: até 36 horas longe das tomadas. Durante o período de teste, o dispositivo aguentou quase dois dias de uso moderado; um recorde quando comparado a outros modelos disponíveis no mercado.


Os 3.900 mAh do Force chegaram bem perto de concretizar outra promessa feita pela marca: 10 horas de uso com apenas 15 minutos de carga. O Tecnologia deixou o aparelho na tomada por 20 minutos, o suficiente para acumular 35% de bateria, que duraram cerca de 8 horas.


Apesar de esquentar bastante, o carregador TurboPower também dá um show de praticidade ao carregar o smartphone, que também esquenta bastante durante o processo, em pouco mais de uma hora.

(foto: Motorola/Divulgação)
(foto: Motorola/Divulgação)
Ficha técnica:
Moto X Force


Processador: Qualcomm Snapdragon 810
Memória RAM: 3GB
Armazenamento interno: 64GB (expansível para até 2TB)
Dimensões (A x L x E): 14,9 x 0,78 x 0,76cm
Peso: 169 gramas
Tela: 5,4 polegadas AMOLED Capacitiva
Resolução: 1440 x 2560 pixel
Câmeras: Traseira de 21MP e frontal de 5MP
Slots para cartão: Dual SIM LTE 4G
Conectividade: Wi-Fi, Bluetooth 4.1, GPS
Sistema operacional: Android Lollipop 5.1.1
Preço: R$ 3149.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade