Publicidade

Estado de Minas

Aplicativo WhatsApp deixará de cobrar anuidade de US$ 1 dos usuários

O app chegou a 990 milhões de usuários no mundo, disse o presidente-executivo


postado em 18/01/2016 10:58

(foto: AFP PHOTO / YASUYOSHI CHIBA )
(foto: AFP PHOTO / YASUYOSHI CHIBA )


Um dos criadores e presidente-executivo do WhatsApp, Jan Koum, disse em uma conferência de tecnologia e design, em Munique, Alemanha, que a empresa deixará de cobrar a anuidade de US$ 1 dos usuários. "Estamos felizes de anunciar que não haverá mais essa taxa", afirmou.

Para ser baixado nas lojas de aplicativos, o WhatsApp é gratuito. No entanto, após um ano de uso, era cobrada uma taxa de US$ 1, o que gerava lucro para empresa do grupo do Facebook. "Boa parte dos usuário do app não tem cartão de crédito ou débito e estávamos preocupados em perdê-los após o primeiro ano de uso", explicou. "Esse método não funcionou bem", acrescentou. Segundo o executivo, as cobranças serão imediatamente cortadas.

Na mesma palestra, Koun aproveitou para anunciar que o aplicativo chegou a 990 milhões de usuários no mundo. O app foi vendido ao Facebook, em 2014, por US$ 22 bilhões.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade