Publicidade

Correio Braziliense

Google Maps vai permitir avisos de blitz no app; entenda

Aplicativo quer aumentar a interação com o usuário e vai passar a mostrar engarrafamentos, obstáculos e pontos de policiamento


postado em 22/10/2019 18:00 / atualizado em 22/10/2019 18:34

(foto: Justin Sulliva /Getty Images/AFP)
(foto: Justin Sulliva /Getty Images/AFP)
O Google anunciou na última quinta-feira (17/10) que vai adicionar novas funções em seu aplicativo de mapas, o Google Maps. A gigante de tecnologia pretende aumentar a interação do usuário com a plataforma e vai permitir que sejam adicionados pontos de velocidade baixa, obstáculos e policiamento.

As novas funções serão adicionadas aos aplicativos de iOS. Os usuários de Android que têm a última versão já tinham as ferramentas disponíveis. A funcionalidade mais polêmica é a que permite ao usuário indicar a presença de policiamento na via. A partir da função de indicar a presença de radar, há a possibilidade de indicar que, no local, há uma 'blitz', testes de bafômetro ou radares móveis.

(foto: Google/Divulgação)
(foto: Google/Divulgação)


As medidas aproximam o Google Maps de outro famoso aplicativo de GPS, o Waze, que também faz parte dos produtos do Google após ser adquirido pela empresa. O porta-voz da empresa, Genevieve Park, garante que as mudanças podem melhorar o trânsito de uma maneira geral.

"Segurança é a prioridade máxima da empresa e a ferramenta de indicar aos motoristas que existem radares pode fazer com que eles sejam mais cuidadosos e tomem decisões mais seguras enquanto dirigem", disse o funcionário em e-mail ao jornal Washington Post.

Além da presença de radares, os usuários da plataforma poderão indicar se há obstáculos, buracos, construções, veículos abandonados e outras ocorrências na via. As funcionalidades vão ser lançadas durante esta semana para os usuários de iOS e Android.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade