Publicidade

Estado de Minas

Oscar Niemeyer ajudou no projeto final do prédio da ONU em Nova York


postado em 12/12/2012 10:08 / atualizado em 12/12/2012 11:03

(foto: Adrien Mortini/Structurae)
(foto: Adrien Mortini/Structurae)
Uma boa opção para quem está na cidade norte-americana é parar um pouco o ritmo frenético das compras e conhecer o prédio das Organização das Nações Unidas (ONU). Apesar da participação de uma comissão de 10 membros, o projeto final foi uma fusão entre o de Oscar Niemeyer e de Le Corbusier. Segundo o arquiteto brasileiro, a obra ainda teve modificações “pouco felizes”, pois acrescentaram mais três pavimentos aos três originalmente previstos para os Conselhos.

Além da arquitetura do lado de fora, os visitantes também podem conhecer o interior. Nos tours são abordadas a história, incluindo a do projeto e construção do prédio, a estrutura e a composição da organização. Há ainda paradas para ver presentes doados pelos países que compõem a ONU, como um memorial budista da Tailândia. Além disso, os visitantes podem apreciar 30 artigos da Declaração Universal dos Direitos Humanos desenhados pelo artista brasileiro Octavio Roth, seguido de uma exibição sobre o desarmamento. Na parte final do tour estão o salão da Assembleia Geral e o Conselho de Segurança.

Leia mais notícias em Turismo

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade