Publicidade

Correio Braziliense

Valladolid, capital da região, tem belas igrejas e construções históricas

Aos que apreciam arte sacra, o Museu Nacional de Escultura Policromada é visita obrigatória. O Museu de Valladolid traz a história da região


postado em 20/03/2013 08:05 / atualizado em 21/03/2013 10:58

(foto: Laísa Amaral Queiroz/Esp. CB/D.A Press)
(foto: Laísa Amaral Queiroz/Esp. CB/D.A Press)
Valladolid é facilmente dividida em duas partes: a cidade velha e a nova. A primeira tem construções históricas, e a outra, edifícios modernos. O que as separa é um dos principais cartões postais do lugar: o grandioso Rio Pisuerga (de aproximadamente 273km). No verão, funciona como uma praia, onde os moradores tomam banho e passeiam de caiaque, enquanto, no outono, é mais utilizado para a pesca. Considerada “terra de ninguém” à época das grandes conquistas mouras, a capital de Castela e Leão foi fundada, oficialmente, em 1072 e, aos poucos, tornou-se palco de importantes capítulos da história espanhola. Foram realizados ali a coroação de Fernando III, o casamento de Isabel de Castela e Fernando de Aragão. Por lá, nasceram os reis Felipe II e Felipe IV. No século 13, foi criada a Universidade de Valladolid, a segunda mais antiga do país. A construção original do câmpus fica, obviamente, no lado antigo, em frente à Plaza de la Universidad, e vale a visita, devido à imponente fachada barroca.

 

Leia mais notícias em Turismo

 

Com tantos séculos de existência, não poderiam faltar bons museus. Aos que apreciam arte sacra, o Museu Nacional de Escultura Policromada (Calle Cadenas de San Gregorio, 1, 2 e 3) é visita obrigatória. O Museu de Valladolid (Plaza de Fabio Nelli) traz a história da região. Também fazem sucesso o Museu de la Ciencia (Avenida Salamanca); Patio Herreriano (Calle Jorge Guillén, 6), de arte moderna; o Museu Oriental (Paseo de Filipinos, 7); e a Academia de Caballería (em frente à Plaza Zorrilla), que conta com armas e uniformes militares em exposição.

 

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade