Publicidade

Estado de Minas

Em Petrópolis, Museu Imperial guarda acervo dos tempos da coroa

Outra boa pedida é ver de perto e fotografar as celebridades do Museu de Cera da cidade


postado em 04/12/2013 10:40

O Museu Imperial: local foi a casa de verão de dom Pedro II(foto: Alfredo Durães/EM/D.A Press)
O Museu Imperial: local foi a casa de verão de dom Pedro II (foto: Alfredo Durães/EM/D.A Press)


Pena que fotos e filmagens não sejam permitidas, bem como carregar bolsas. Máquinas e acessórios devem ficar no guarda-volumes, logo na portaria. A casa de verão de dom Pedro II, atual Museu Imperial, é uma das grandes atrações de Petrópolis, tanto internamente, quanto nos jardins e anexos. Construído com recursos pessoais da família real, o palácio em estilo neoclássico foi transformado em museu por decreto do presidente Getúlio Vargas, em 1940. A cereja do bolo do acervo é a coroa imperial de dom Pedro II, mas a exposição contempla um significativo acervo de peças relativas ao período imperial brasileiro.

Muito curioso, é que o visitante só entra no palácio para visitar com enormes pantufas que encobrem os sapatos. Elas são emprestadas na entrada e devolvidas na saída. No começo, causa estranheza e certa insegurança para andar, mas logo se domina a técnica.

Leia mais notícias em Turismo

A matéria completa está disponível aqui, para assinantes. Para assinar, clique aqui.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade