Publicidade

Correio Braziliense TENNESSEE

Berço da música de raiz, Nashville vibra sintonia por suas ruas

Cidade que mais cresce nos Estados Unidos, Nashville é referência no estilo country, abriga grande parte da história do mundo roqueiro e é a terra do conhecido uísque Jack Daniels


postado em 13/06/2019 10:00 / atualizado em 12/06/2019 16:14

(foto: Laura Sabbas/Esp. CB/D.A Press)
(foto: Laura Sabbas/Esp. CB/D.A Press)


Considerada o berço da música country, Nashville é uma cidade vibrante e mais progressista, se comparada com outras cidades próximas. Sua história na luta pelos direitos civis que tanto dividiu os Estados Unidos (EUA) afirma isso. Assim como Memphis, a capital de Tennessee respira música e cultura. Foi lá que Taylor Swift, Sheryl Crow, Miley Cyrus e seu famoso pai, Billy Ray Cyrus, iniciaram suas carreiras  e mantêm até hoje suas casas. Vários outros jovens artistas se inspiram nesses nomes e buscam alcançar a fama como eles.

Nashville tem um quê de metrópole e é uma das cidades que mais crescem nos EUA. Muitas construções podem ser vistas ao redor da cidade. Por ser pequena, dois ou três dias são mais do que suficientes para ter uma ótima estadia e visitar os principais pontos turísticos. Entre as atrações principais, está o tour no Country Music Hall of Fame and Museum.

Esse é um dos maiores museus sobre a música country. Além de toda a história sobre essa vertente musical, o estabelecimento conta com centenas de roupas de artistas desde a década de 1930 até hoje. Alguns carros do cantor Elvis Presley, como Cadillac, Limousine, Turbo Trans Ams e outros conversíveis estão expostos por lá. Vários instrumentos musicais complementam o museu. Réplicas de estúdios de gravação foram construídas e podem ser visitadas. É comum esbarrar com promissores talentos pelos corredores das salas de audições.

Réplica da moto Harley Davidson de Johnny Cash: museu(foto: Laura Sabbas/Esp. CB/D.A Press)
Réplica da moto Harley Davidson de Johnny Cash: museu (foto: Laura Sabbas/Esp. CB/D.A Press)

Outra atração que pode estar inclusa no ingresso, caso escolha realizar os dois tours, é o famoso estúdio de música RCA Studio B, onde existe uma coletânea de gravações de mais de mil artistas. Para esse estúdio, o deslocamento é feito de ônibus fornecido pelo museu. Pode ser uma boa visita em dia de show. Os preços variam de acordo com o artista.

Depois de uma imersão no country music, uma visita ao museu do rockeiro Johnny Cash é indispensável. Ele era conhecido como o bad boy do rockabilly blues. O museu é mais intimista e extremamente interessante, principalmente para os fãs do rock and roll.  Na saída do museu, está pendurada uma réplica de sua moto Harley Davidson, por sinal, muito usada no estado do Tennessee, onde tem diversas lojas e fábricas.

O Grand Ole Opry é outro ponto turístico importante. É a maior casa de shows da cidade. Por décadas, também funcionou como um grande rádio para artistas se apresentarem. Vale também caminhar pelo centro de Nashville e ir até a ponte sob o rio Cumberland para tirar algumas fotos.

‘Churrasco’ de porco
(foto: Laura Sabbas/Esp. CB/D.A Press)
(foto: Laura Sabbas/Esp. CB/D.A Press)

Na saída do museu, está uma famosa rua de bares e restaurantes chamada Broadway. Cada bar tem sua atração musical. Tem apresentações para todos os gostos e todas as idades. Durante o dia, é um bom lugar para comer. De noite, é quando a rua fica bastante movimentada com milhares de bandas tocando. O restaurante Jack’s Bar-B-Que é um dos mais indicados. Lá é possível achar o famoso ‘churrasco’ de porco com molho barbecue.

A comida é bem saborosa e típica do estado. A carne de porco vem com um feijão um pouco adocicado e com o mac’n cheese (macarrão com queijo super tradicional nos EUA). Também pode pedir uma espécie de hambúrguer de BBQ típico da casa. Para beber, vale um pit stop no bar chamado Rippy’s, dois andares de música e muitas cervejas locais. Ou, se estiver mais animado, pode provar diferentes tipos de cerveja em cada bar da rua.

(foto: Laura Sabbas/Esp. CB/D.A Press)
(foto: Laura Sabbas/Esp. CB/D.A Press)

Se já estiver cansado de escutar o mesmo estilo musical, há um beco escondido no centro onde alguns nomes do blues provavelmente tocaram ou ainda tocam por lá. É o Street Blues And Boogie Bar, especializado em comida “Creole”. O espaço é superpequeno, mas um achado no meio do country.

Caso visite Nashville em época de calor, a dica é parar em uma das melhores sorveterias da cidade, o Mike’s Ice Cream, para se refrescar. Está na Fifth Avenue Historic, rua lateral à Broadway. Essa rua também conta com bares mais sofisticados e ambientes mais calmos.

De carro por Nashville
(foto: Laura Sabbas/Esp. CB/D.A Press)
(foto: Laura Sabbas/Esp. CB/D.A Press)

Se o passeio for feito de carro, vale a pena sair desse circuito-centro. Aos arredores de Nashville, há novos bairros considerados mais “cools” com diferentes tipos de restaurantes e bares, como Germantown e East Nashville. Não tão novo, mas uma mistura de loja de souvenir, museu e bar com palco e música, Willie Nelson and Friends é outro achado.

Para os amantes de uísque ou bourbon, essa é a terra do legendário Tennessee Whiskey Jack Daniels. Na verdade, existem várias contradições se esse é realmente o melhor bourbon na atualidade. Porém, na terra do anfitrião, nada melhor do que conhecer uma das destilarias de Jack Daniel’s que fica um pouco fora de Nashville. Existem tours programados e que oferecem transporte. Outra dica diferente é a também destilaria Nelson’s Green Brier, um pouco mais acessível do que a sua concorrente famosa.

Para se hospedar em Nashville sem carro, a melhor opção é ficar o mais próximo do centro, onde tem a maior parte das atrações e de onde saem ônibus turísticos para museus e lugares importantes a serem visitados. Outra dica é programar as saídas e usar o serviço dos aplicativos de transporte, como Uber ou Lyft. Seu bolso pode agradecer com a economia.

O estado de Tennessee tem um charme interessante, cheio de cidades repletas de histórias, únicas e com uma abundante natureza. Ao contrário do que muitos imaginam,  viajar de carro não é uma exclusividade da Califórnia. Um roadtrip pelos estados mais ao Sul dos EUA como Tennessee, Mississipi terminando em Louisiana — mais precisamente em New Orleans, é algo único. Isso sim é um mergulho por um país bem diferente e muito mais interessante do que aparenta nos filmes de Hollywood.

Serviço

Visite

Country Music Hall of Fame and Museum

(https://countrymusichalloffame.org)
222 5th Ave. South Nashville, TN
» Admissão normal somente ao museu - US$ 25 (R$ 100)
» Combo RCA Studio B Tour & Country Music Hall of Fame — US$ 40.95 (R$ 163.80)

Johnny Cash Museum
(www.johnnycashmuseum.com)
119 3rd Ave S.
» Ingresso — US$ 20 (R$ 80)

Willie Nelson and Friends Museum
(https://willienelsonmuseum.com)
2613A McGavock Pike


Onde beber

Jack’s Bar-B-Que

(https://jacksbarbque.com)
416 Broadway, Downtown

Bourbon Street Blues And Boogie Bar
(www.bourbonstreetbluesandboogiebar.com)
» Historic Printers Alley in downtown Nashville
» Between 3rd & 4th Avenue on Church Street

Tennessee Whiskey Tours
(https://tennesseewhiskeytours.com)
» Ingressos variam de preços entre US$ 83 (R$ 332) e US$ 108.16 (R$ 432.64)

Nelson’s Green Brier Distillery Tour

(https://greenbrierdistillery.com)
1414 Clinton Street
» Ingresso - US$12 (R$48)


Fica a dica
» Aproveite o dia quente para experimentar os delíciosos sorvetes do Mike

Mike’s Ice Cream
(https://mikesicecream.com)
129 2nd Ave N

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade