Covid-19: Brasil registra mais 703 óbitos e 22.048 novas infecções

Com isso, o país que é o segundo com mais infectados e vítimas da covid-19 no mundo, soma 3.057.470 casos e 101.752 mortes.

Renata Rios
Maria Eduarda Cardim
postado em 10/08/2020 19:03 / atualizado em 10/08/2020 19:03
 (foto: AFP)
(foto: AFP)

Após ultrapassar a marca de 100 mil mortes e três milhões de casos de covid-19, o Brasil inicia a semana com o registro de mais 703 óbitos pela doença e 22.048 novas infecções confirmadas nesta segunda-feira (10/8) pelo Ministério da Saúde. Com isso, o país que é o segundo com mais infectados e vítimas da covid-19 no mundo, soma 3.057.470 casos e 101.752 mortes.

A situação da pandemia no Brasil é diferente em cada região do país, mas a maioria dos estados já soma mais de mil mortes cada. Ao todo, 21 unidades federativas integram essa lista. Quem lidera o ranking brasileiro é São Paulo, com 25.151 óbitos pelo novo coronavírus. O Rio de Janeiro é o segundo com mais fatalidades, com 14.108 vítimas da doença. Os dois são os únicos estados que têm mais de 10 mil mortes.

Em seguida estão: Ceará (7.979), Pernambuco (6.970), Pará (5.893), Bahia (4.011), Minas Gerais (3.597), Amazonas (3.384), Maranhão (3.187), Espírito Santo (2.764), Rio Grande do Sul (2.417), Paraná (2.398), Mato Grosso (2.122), Paraíba (2.023), Goiás (2.023), Rio Grande do Norte (1.977), Distrito Federal (1.762), Alagoas (1.688), Sergipe (1.614), Santa Catarina (1.541) e Piauí (1.503).


No pé da tabela estão: Rondônia (944), Amapá (603), Roraima (547), Acre (562), Mato Grosso do Sul (523) e Tocantins (461).

Apesar de continuar vendo altos números diários de infecções e mortes, houve queda de casos e óbitos na última semana epidemiológica encerrada, a 32ª, em relação a anterior. É a segunda semana que se observa uma queda ainda que pequena. Foram confirmadas 8.829 infecções e 200 mortes a menos do que na semana 31.

 



Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação