Covid-19

BioNTech compra laboratório da Novartis para elevar produção de vacina

A aquisição, segundo a BioNTech, servirá para a companhia de biotecnologia ampliar a produção de vacinas para um total de 750 milhões de doses ao ano

Agência Estado
postado em 18/09/2020 10:50
 (crédito: Andrew Caballero-Reynolds/AFP)
(crédito: Andrew Caballero-Reynolds/AFP)
A alemã BioNTech, que produz uma potencial vacina contra a covid-19 com a norte-americana Pfizer, disse em comunicado nessa quinta-feira (17/9) que assinou a compra de um laboratório da Novartis, empresa do ramo farmacêutico. A aquisição, segundo a BioNTech, servirá para a companhia de biotecnologia ampliar a produção de vacinas para um total de 750 milhões de doses ao ano.
A empresa não divulgou os valores da compra, mas disse que a transação para assumir a instalação na cidade de Marburgo (Alemanha) deve ser concluída no quarto trimestre de 2020. "Esta aquisição reflete o compromisso da BioNTech em expandir significativamente sua capacidade de fabricação a fim de fornecer uma potencial vacina em todo o mundo mediante autorização ou aprovação", disse o diretor financeiro e diretor de operações da empresa, Sierk Poetting.
A vacina, denominada BNT162b2, está na terceira fases de testes clínicos, que analisam a sua eficácia. A BioNTech disse que deve ser capaz de produzir até 250 milhões de doses no primeiro semestre de 2021. (Com informações da Dow Jones Newswires).
 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação