Futebol

Internacional demite jogadores do sub-20 que disseram ter dopado mulher

Em vídeo, Matheus Monteiro conta como dopou a mulher com uma "bala" ao colocar a droga sintética no copo da vítima.

Correio Braziliense
postado em 01/12/2020 11:58
 (crédito: Reprodução)
(crédito: Reprodução)

O Internacional anunciou, no fim da manhã desta terça-feira (1º/12), que rescindiu os contratos de dois atletas do time sub-20 que postaram um vídeo nas redes sociais falando sobre dopar uma mulher em uma festa. Após as imagens viralizarem nas redes sociais, os torcedores do clube pediram a saída da dupla.

No vídeo, Matheus Monteiro conta como dopou a mulher com uma "bala" — apelido dado ao ecstasy — ao colocar a droga sintética no copo da vítima. As imagens também foram postadas por Luiz Vinícius, outro jogador da equipe.

"Eu coloquei uma bala no copo dela, e ela ficou daquele jeito. Nem se ligou na cena, ela bebendo aqui, eu peguei o copo dela, quebrei um pedacinho e larguei ali. Ela ficou mal. E eu entrei para o quarto, ela de lá", diz ele antes de o vídeo ser cortado.

Matheus Monteiro tem 20 anos e estava no elenco do time campeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior no início de 2020. Ele chegou a treinar com a equipe principal a pedido do técnico Eduardo Coudet.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE