TELECOMUNICAÇÃO

Brasília deve receber testes de conexão 5G ainda no mês de dezembro

A capital e outras 11 cidades experimentam conexão fixa com 5G DSS da TIM em pontos estratégicos

Carinne Souza*
postado em 16/12/2020 16:07 / atualizado em 16/12/2020 16:07

A companhia móvel TIM anunciou que até o fim deste ano os clientes da operadora na capital do país devem ter acesso ao 5G DSS. O sinal também irá se expandir para outras 11 cidades. O anúncio foi feito durante coletiva de imprensa com executivos da empresa nesta quarta-feira (16/12). A conectividade é uma evolução do sinal 4G utilizado atualmente, mas ainda não é o serviço pleno que o 5G pode oferecer.

Na capital, o ponto escolhido para uso da frequência foi a Esplanada dos Ministérios, mas ele deve se expandir para outras regiões. Em outras dezenas de pontos pelo país, cidades como Salvador, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Curitiba também vão poder usar o sinal. 

Para o CTIO da TIM Brasil, Leonardo Capdeville, a companhia está no caminho certo para implementar a nova tecnologia. "Os resultados estão sendo extremamente positivos. Vamos continuar ampliando a cobertura 5G DSS até a chegada do 5G de verdade. A TIM está pronta para toda essa revolução e vamos assumir o protagonismo no 5G assim como fizemos no 4G”.

Promessa

O DSS utiliza as frequências do próprio 4G para se tornar ativo. A promessa é de que depois do leilão do sinal, o que deve acontecer nos próximos meses, o 5G tenha seu serviço pleno para uso no Brasil. Até março, a expansão englobará ainda pontos em Brasília, Salvador, Fortaleza, Recife, Belém, Campinas, Santos e Florianópolis.

*Estagiária sob a supervisão de Andreia Castro

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE