estudo

Farmacêutica diz que produziu anticorpos que neutralizaram a covid-19

De acordo com a companhia, análise de um subgrupo de estudo mostrou que os residentes do asilo que receberam o medicamento, chamado bamlanivimab, tiveram 80% menos chances de ter a covid-19 do que as pessoas nas mesmas instalações que receberam um placebo

Agência Estado
postado em 21/01/2021 22:50
 (crédito:  AFP / Belga / HATIM KAGHAT)
(crédito: AFP / Belga / HATIM KAGHAT)
Um anticorpo para covid-19 produzido pela farmacêutica Eli Lilly evitou que residentes e funcionários de uma casa de repouso tivessem infecções sintomáticas da doença em testes de fase 3, afirmou hoje a empresa.
De acordo com a companhia, análise de um subgrupo de estudo mostrou que os residentes do asilo que receberam o medicamento, chamado bamlanivimab, tiveram 80% menos chances de ter a covid-19 do que as pessoas nas mesmas instalações que receberam um placebo.
Embora as vacinas estejam disponíveis e pareçam ser mais eficazes como profilaxia do que os anticorpos, os mesmos podem ter um papel para ajudar a prevenir infecções em certas situações, afirma a farmacêutica. As ações da empresa chegaram a subir 1,4% após o anúncio, mas, às 15h44 (horário de Brasília), recuavam 0,65%. (FONTE: DOW JONES NEWSWIRES)
 

CONTINUE LENDO SOBRE