PASSO FUNDO

Padre é preso suspeito de cometer três assaltos no Rio Grande do Sul

Com o religioso, a polícia encontrou uma arma falsa e R$ 655 em dinheiro. Os crimes aconteceram em dois mercados e em uma farmácia

Correio Braziliense
postado em 03/03/2021 15:43 / atualizado em 03/03/2021 17:51
 (crédito: reprodução )
(crédito: reprodução )

Um padre foi preso na noite desta terça-feira (2/3) pela Brigada Militar de Passo Fundo, no Rio Grande do Sul. O religioso é suspeito de assaltar ao menos três estabelecimentos comerciais da cidade.

Os crimes aconteceram em dois mercados e em uma farmácia. Segundo a polícia, o homem que cometeu os delitos tinha as mesmas características e conduzia o mesmo carro.

Com Elizeu Lisboa Moreira, de 28 anos, a polícia encontrou uma pistola falsa e R$ 655 em dinheiro. O padre foi afastado pela Arquidiocese de Passo Fundo.

O arcebispo Dom Rodolfo Weber compartilhou um vídeo em que lamenta o caso. Ele também afirma que a Arquediocese irá colaborar com as investigações de autoridades e dar o suporte necessário ao padre.

"Fato que choca, que chama atenção, que provoca. Todos nós nos sentimos muito tristes, muito pensativos sobre esse acontecimento. temos que colocar duas esferas, quando se trata do processo criminal, ela vai ter que responder os trâmites normais. Como padre aqui da arquidiocese, ele exerce uma função pública em nome da igreja de Itapejara. Então a partir deste momento ele será suspenso, enquanto se vai procurando discernir o que realmente aconteceu. Toda pessoa acusada de qualquer delito tem direito a defesa. Vamos colaborar com as autoridades para que os fatos sejam esclarecidos, mas também vamos dar todo o atendimento necessário que o padre Elizeu necessita neste momento", afirmou Dom Rodolfo Weber, arcebispo de Passo Fundo.

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE