VANDALISMO

Menino de 10 anos invade garagem e depreda sete micro-ônibus

Segundo as investigações, a criança invadiu o local e, usando um martelo de emergência, que pode ser encontrado dentro de qualquer ônibus, pois é equipamento de emergência, passou a quebrar vidros de janelas e portas

Ivan Drummond - Estado de Minas
postado em 04/05/2021 19:24
 (crédito: Divulgação/PCMG )
(crédito: Divulgação/PCMG )

Um ato de vandalismo, em que sete micro-ônibus escolares foram depredados e tiveram seus vidros destruídos, numa garagem de ônibus escolares da Prefeitura de Poço Fundo, no Sul de Minas, ocorrido em 27 de fevereiro deste ano, foram enfim esclarecidos pela Polícia Civil, que identificou o autor do crime: um menino de 10 anos.

Segundo as investigações, a criança invadiu o local e, usando um martelo de emergência, que pode ser encontrado dentro de qualquer ônibus, pois é equipamento de emergência, passou a quebrar vidros de janelas e portas.

As apurações identificaram que esse menino estava acompanhado de dois outros, no entanto só ele teria cometido a ação de vandalismo. Os dois teriam permanecido no local, observando e vigiando para informar se aparecesse alguém.

O inquérito foi concluído e remetido à Justiça, que vai enviar o procedimento para análise do Ministério Público, responsável pela manifestação sobre possíveis medidas específicas de proteção sobre a criança, conforme o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), em especial o art. 101.

Como esse é um caso raro, não se sabe se caberá ou não punição ao menino ou se os pais responderão por crime de responsabilidade.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE