Pandemia

Cidade de São Paulo já identificou oito casos da variante delta

Sete novos casos foram identificados pela prefeitura de SP, que, no início do mês, já havia confirmado um caso da variante do novo coronavírus detectada primeiramente na Índia

Maria Eduarda Cardim
postado em 20/07/2021 18:07 / atualizado em 20/07/2021 18:10
 (crédito: AFP / Miguel SCHINCARIOL)
(crédito: AFP / Miguel SCHINCARIOL)

A cidade de São Paulo confirmou nesta terça-feira (20/7) mais sete casos da variante delta do novo coronavírus. O município já havia confirmado, no início deste mês, um caso da cepa primeiramente detectada na Índia. Com isso, a cidade soma oito infecções pela variante identificadas através do sequenciamento genômico. 

Segundo a Secretaria Municipal da Saúde (SMS), a identificação de seis desses casos foi feita a partir de uma análise dirigida com 60 testes positivos de diferentes regiões da cidade. Além desses, um caso foi verificado com base na análise de uma paciente de hospital privado. 

"Todos os pacientes diagnosticados com a variante delta estão bem", informou a nota da prefeitura do município. Desde que confirmou o primeiro caso na capital, o governo do estado de São Paulo já considerava a transmissão comunitária na cidade — quando não é possível rastrear a origem dos casos. 

Para enfrentar a variante, originária da Índia e considerada "preocupante" e "perigosa" pela Organização Mundial da Saúde (OMS), o secretário municipal da Saúde de São Paulo, Edson Aparecido, ressaltou que a secretaria tem feito o rastreamento de casos positivos para covid-19, a fim de identificar quais amostras são da variante delta. "Seguimos enviando os testes, por amostragem, para os institutos Butantan, Adolfo Lutz e de Medicina Tropical da Universidade de São Paulo (USP)", informou. 

Segundo a última atualização feita pela OMS, a variante delta da covid-19 está presente em mais de 111 países. No entanto, esse número pode ser ainda maior, dada a limitação de fazer o sequenciamento do vírus em alguns países.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE