MEIO AMBIENTE

Bancos multilaterais de desenvolvimento pretendem reforçar proteção da natureza

Os bancos se apoiarão em "definição operacional" que possa avançar no entendimento dos riscos financeiros trazidos pela perda de natureza

Agência Estado
postado em 02/11/2021 14:04
 (crédito: BAY ISMOYO / AFP)
(crédito: BAY ISMOYO / AFP)

Os bancos multilaterais de desenvolvimento (MDB, na sigla em inglês), entre eles o Banco Europeu para Reconstrução e Desenvolvimento, concordaram em ampliar esforços para a proteção, a restauração e o uso sustentável da natureza. Em comunicado conjunto assinado em na COP-26 em Glasgow, as instituições apontam que o progresso rumo a metas de desenvolvimento global sustentável, clima e biodiversidade não pode ser alcançado sem lidar com os efeitos direitos e indiretos da perda da natureza nem a transformação do modo em que se valoriza, utiliza e conserva seus benefícios.

Os MDBs se comprometem a levar mais em consideração em suas políticas e operações a manutenção de uma liderança no desenvolvimento de salvaguardas para os ecossistemas; o fomento a investimentos positivos para a natureza; a criação de sinergias regionais e o estabelecimento de abordagens estratégicas, entre outros pontos.

Os bancos se apoiarão em "definição operacional" que possa avançar no entendimento dos riscos financeiros trazidos pela perda de natureza. Entre os signatários da iniciativa está o Banco Interamericano de Desenvolvimento.

CONTINUE LENDO SOBRE