Procurador pede investigação

Correio Braziliense
postado em 22/11/2021 00:01

O subprocurador da República Lucas Furtado, que atua junto ao Tribunal de Contas da União, informou que apresentará, hoje, pedido para que a corte investigue a interferência do governo na formulação das questões do Enem. Caso isso seja comprovado, o procurador pede medidas cabíveis contra o Ministério da Educação, que podem incluir, segundo ele, até o cancelamento das provas. Furtado sustentou que o Enem pode ter sido usado como instrumento de condução política
e ideológica da
educação nacional.

Tags

CONTINUE LENDO SOBRE