Feminicídio

Polícia encontra corpo de mulher com mordida no pescoço em campo de futebol

Um vídeo que mostra a vítima se dirigindo para o local do crime, em Ribeirão das Neves, pode ajudar na identificação do assassino

Ivan Drummond - Estado de Minas
postado em 17/01/2022 10:40
 (crédito: Google maps)
(crédito: Google maps)

Um corpo de mulher de 50 anos foi encontrado por volta de 2h deste domingo (16/1), no Campo do Pedra Branca, no Bairro Pedra Branca, em Ribeirão das Neves, na Região Metropolitana, com uma mordida no pescoço. A polícia espera que filmagens de uma câmera de vídeo, que mostra a vítima caminhando em direção ao campo, com duas outras pessoas, ajudem a encontrar os possíveis matadores. Além da mordida, ela tinha sangue no nariz.

A partir dos documentos, os policiais conseguiram chegar à casa da vítima. Lá, foram recebidos pelo filho da mulher, que falou sobre o companheiro da mãe, um homem de 32 anos.

A polícia foi até a residência do homem que contou que não se encontrava com a mulher há dois meses, e que depois da separação, ele passou a consumir drogas. Disse que na noite de sábado, tinha ido ao Vilarinho, onde comprou drogas e que lá, teria se envolvido com uma mulher, no entanto, não foi encontrada nenhuma testemunha que pudesse confirmar a história.


Os policiais conseguiram, também, informações de que a vítima seria uma mulher violenta. Mas na casa da vítima, tomaram conhecimento de que o suposto ex-companheiro vinha perseguindo a mulher, com mensagens via celular, e que ela teria pedido ao dono do imóvel, que não deixasse o homem se aproximar dela, pois ele a estaria perseguindo.


Peritos da Polícia Civil estiveram no local e segundo estes, não foi possível determinar a “causa mortis”. O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML), onde serão realizados novos exames, para que se possa determinar a causa da morte.

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE