RJ: militares da Marinha presos por assassinato

Correio Braziliense
postado em 16/05/2022 00:01

Quatro homens foram presos, entre eles dois sargentos e um cabo da Marinha, por envolvimento no assassinato do perito papiloscopista da Polícia Civil Renato Couto de Mendonça, no Rio de Janeiro. O crime teria ocorrido após uma desavença entre a vítima e o dono de um ferro-velho, localizado na Praça da Bandeira, na Zona Norte da cidade, na sexta-feira. As investigações apontam que Renato Couto de Mendonça foi sequestrado pelo filho do proprietário do ferro-velho ao lado de colegas, todos militares da Marinha. De acordo com a Polícia Civil, uma viatura da Marinha foi usada no crime. Segundo a principal linha de investigação, Renato foi morto e teve o corpo jogado no rio Guandu, no município de Japeri, na Baixada Fluminense.

Tags

CONTINUE LENDO SOBRE