Pandemia

Covid-19: DF contabiliza 23 óbitos e mais 451 casos de contaminações

Número de mortos na capital chega a 1.675, segundo a Secretaria de Saúde. Os registros de pessoas infectadas pela doença é de 127.935

» Sarah Peres
postado em 12/08/2020 13:10 / atualizado em 12/08/2020 13:10
Números da pandemia seguem subindo no Df -  (foto: Divulgação/Governo de Santa Catarina)
Números da pandemia seguem subindo no Df - (foto: Divulgação/Governo de Santa Catarina)

A Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES-DF) contabiliza 23 mortes pela covid-19 nesta quarta-feira (12/8), e 1.675 pessoas perderam a vida na luta contra a doença. Acrescentando os demais 163 óbitos de moradores de outros estados da Federação, o número de vítimas fatais sobe para 1.838, conforme levantamento da pasta.

Entre as mortes desta quarta, está a de Maria Aparecida Firmo Ferreira, de 79 anos, avó da primeira-dama Michelle Bolsonaro. A idosa faleceu pela madrugada, depois de ficar um mês internada com diagnóstico de coronavírus. Ela estava internada no Hospital Regional de Santa Maria (HRSM), contudo, na semana passada, tinha sido transferida para o Hospital Regional de Ceilândia (HRC).

Os dados da Saúde apontam, ainda, que Ceilândia registra o número absoluto de óbitos: 327. Depois está Taguatinga, com 171 casos. Samambaia aparece na terceira colocação, com 148 vítimas. Em seguida está a região do Plano Piloto (121) e, então, o Gama (108).

Contaminações

Nesta quarta-feira (12), mais 451 pessoas foram diagnosticadas com a covid-19. Ao todo, são 127.935 moradores do DF infectados. Além disso, a maior parte dos contaminados são do gênero feminino, representando 53,2% dos registros (68,053). Homens equivalem a 46,8% dos casos (59.877).

A faixa etária com mais doentes é do grupo de 30 e 39 anos, com 34,6 mil testes positivos para o novo coronavírus. Depois estão pessoas com idades entre 40 e 49 anos (28,48 mil) e, por fim, jovens entre 20 e 29 anos (23,8 mil).

Levantamento da secretaria indica, novamente, Ceilândia como a cidade com mais casos: são 15.244 moradores locais contaminados. Na segunda posição está o Plano Piloto, com 10.356 diagnósticos. Taguatinga está em terceiro (9.546). Em quarta e quinta colocação estão Samambaia (8.018) e Gama (6.209), respectivamente.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação