Saúde

UPA de Sobradinho recebe 20 leitos de UTI para pacientes com covid-19

Leitos ativados contam com suporte de hemodiálise para pacientes com complicações renais. Investimento foi de R$ 17,9 milhões

Correio Braziliense
postado em 14/08/2020 20:58 / atualizado em 14/08/2020 20:58
Estrutura inaugurada na unidade de pronto-atendimento (UPA) -  (foto: Davidyson Damasceno/IGESDF)
Estrutura inaugurada na unidade de pronto-atendimento (UPA) - (foto: Davidyson Damasceno/IGESDF)

A Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) de Sobradinho recebeu 20 leitos de unidade de terapia intensiva (UTI) com suporte para hemodiálise. A estrutura começou a funcionar nesta sexta-feira (14/8) e, além de respiradores, conta com equipamentos de auxílio a pacientes com covid-19 e complicações renais.

O investimento do Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (Iges-DF), responsável pela administração da unidade, chegou a R$ 17,9 milhões. As novas vagas passam a constar na planilha de leitos do Complexo Regulador (CRDF) da Secretaria de Saúde (SES-DF). Os pacientes serão direcionados a depender do quadro clínico.

Ao todo, as UPAs do Distrito Federal têm 82 leitos de UTI: 42 na do Núcleo Bandeirante, 10 em Ceilândia, 10 em São Sebastião e 20 em Sobradinho. Eles têm sido abertos de acordo com a projeção do número de casos de covid-19. Além disso, dispõem de ventiladores mecânicos, monitores, bombas de infusão, entre outros aparelhos.

A unidade de Sobradinho mantém o atendimento a pacientes com outros sintomas, e as alas para casos suspeitos ou confirmados de covid-19 foram isoladas. Esse grupo é recebido em tendas na área externa da UPA. 

Com informações do Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (Iges-DF)

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação