Pandemia

Covid-19: DF contabiliza 30 mortes nesta terça e total passa de 2 mil

O DF tem mais 460 diagnósticos positivos para a doença e chega a 139.195 casos de contaminação

Sarah Peres
postado em 18/08/2020 13:57 / atualizado em 18/08/2020 13:58
Foram 30 mortes só na  manhã desta terça -  (foto: Edílson Rodrigues/CB/D.A Press)
Foram 30 mortes só na manhã desta terça - (foto: Edílson Rodrigues/CB/D.A Press)

O Distrito Federal contabilizou mais 30 mortes pela covid-19 nesta terça-feira (18/8), segundo levantamento da Secretaria de Saúde (SES-DF). Desse total, 29 eram moradores da capital federal, que registra 1.895 óbitos. Acrescentando as vítimas de outros estados, o número sobre para 2.073 (177 a mais).

O balanço da secretaria aponta que Ceilândia é a cidade com mais óbitos em decorrência da doença: 370. Em segundo lugar no ranking está Taguatinga, com 196 mortos. Depois está Samambaia (167) e, então, a área do Plano Piloto (136). O Gama contabiliza 130 vítimas.


Aumento no diagnóstico

Ainda conforme dados da Saúde, foram registrados mais 460 diagnósticos positivos para o novo coronavírus. Até o início da tarde, eram 139.195 pessoas contaminadas. Desse total, 16.652 são de Ceilândia, que também segue em primeiro lugar no número de doentes.

O Plano Piloto está na segunda colocação, com 11.314 casos. Taguatinga aparece em terceiro, totalizando 10.589 moradores locais com covid-19. A lista segue com Samambaia em quarto (8.702) e, por fim, o Gama (6.691), em quinta posição.


Quanto ao perfil dos doentes, a maioria são mulheres, representando 53,3% dos casos, com 74.182 diagnósticos. Homens equivalem a 46,7% (65.013). Ainda, a faixa etária com mais contaminados são pessoas entre 30 e 39 anos, com 37,41 mil casos confirmados. Depois está o grupo de 40 a 49 anos (30,99 mil) e, em terceiro, jovens entre 20 e 29 anos (25,68 mil).

 

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação