AULAS ON-LINE

Casa Azul Felipe Augusto lança campanha para arrecadar aparelhos eletrônicos

Além do apoio com cestas básicas, a entidade quer retornar, de forma on-line, com as oficinas de música, raciocínio lógico, oficina de literatura e com as aulas de dança

Cibele Moreira
postado em 20/08/2020 06:00
 (foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press)
(foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press)

Com a pandemia da covid-19, a instituição social Casa Azul Felipe Augusto tem se adaptado para atender cerca de 1.200 famílias carentes das regiões de Samambaia, Riacho Fundo 2, São Sebastião e Vila Telebrasília. Além do apoio com cestas básicas, a entidade quer retornar, de forma on-line, com as oficinas de música, raciocínio lógico, oficina de literatura e com as aulas de dança. Para isso, a Casa Azul lançou uma campanha para arrecadar aparelhos eletrônicos, novos ou usados que estejam em pleno funcionamento.

“Precisamos desse retorno, mesmo que a distância, para não perder o vínculo com nossas crianças e adolescentes. A melhor opção seria voltar o presencial, mas entendemos a situação em que estamos, e por isso, estamos nos adaptando para dar continuidade a esse apoio”, destaca Daise Lourenço Moisés, presidente da instituição.

Com quatro unidades, a Casa Azul atende cerca de 2 mil crianças e adolescentes, com idade entre 6 e 17 anos, com atividades em contraturno escolar. Além das oficinas de música, dança, literatura e raciocínio lógico, a instituição também atua como facilitadora à inserção dos jovens no mercado de trabalho na modalidade aprendiz, com cursos de capacitação. As aulas dos jovens aprendizes seguirão o conteúdo programático com o ensino a distância.

No início do mês, a instituição realizou uma pesquisa com as famílias atendidas para elaborar estratégias nesse momento de pandemia. O questionário abordou também a percepção sobre quem tem condições de continuar o ensino na modalidade a distância. Das 1.450 respostas esperadas, apenas 706 responderam. Desse quantitativo, 72% afirmaram não ter computador em casa e 74% relataram que, por falta do equipamento ou internet, não estão na plataforma de ensino da Secretaria de Educação.

“Muitas famílias não têm condições de ter esses equipamentos eletrônicos em casa, e quando tem, se resume no celular da mãe ou do irmão mais velho. Se a gente conseguir as doações, vamos também beneficiar essa inclusão no ensino on-line da escola regular”, ressaltou Daise.

Para as aulas de música, os instrumentos que estão na instituição serão emprestados para os estudantes para o treino em casa. Quem quiser ajudar, pode entrar em contato através dos telefones 3359-2095 / 3359-2098 / 9 9168-6481. Há a possibilidade de agendar a retirada dos equipamentos, ou se preferir procure a unidade da Casa Azul — Sede, na QN 315, conjunto F, Lotes- 1/4, Samambaia.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação