Violência no DF

Morador de rua é espancado, amarrado e jogado no Lago Paranoá

O homem de 53 anos foi socorrido pela equipe do Corpo de Bombeiros Militar do DF com corte profundo na cabeça e escoriações pelo corpo

Correio Braziliense
postado em 24/08/2020 07:53 / atualizado em 24/08/2020 07:53
Vítima foi encaminhada para o Hospital de Base com corte profundo na cabeça e ferimentos pelo corpo  -  (foto: divulgação / CBMDF)
Vítima foi encaminhada para o Hospital de Base com corte profundo na cabeça e ferimentos pelo corpo - (foto: divulgação / CBMDF)

Um homem de 53 anos foi espancado, amarrado e jogado no Lago Paranoá na noite de domingo (23/8). De acordo com informações do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal, a vítima é um morador de rua que afirmou ter sido agredido e roubado por outras pessoas também em situação de rua.

A equipe dos bombeiros foi acionada para atender essa ocorrência por volta das 20h30. O homem foi encontrado na água, junto às pedras, próximo a Ponte JK. A vítima apresentava um corte profundo na cabeça e escoriações pelo corpo.

Mergulhadores o retiraram da água e médicos da corporação contiveram a hemorragia do ferimento. O homem foi encaminhado para o Hospital de Base consciente, orientado e estável.

Foram deslocados para esta ocorrência duas viaturas, uma embarcação e doze militares do Corpo de Bombeiros do Distrito Federal.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação