Prevenção

Templo da Boa Vontade faz programação para campanha Setembro Amarelo

Durante todo o mês de setembro, o TBV vai realizar uma Corrente Ecumênica de Orações em favor da vida

Correio Braziliense
postado em 27/08/2020 14:10 / atualizado em 27/08/2020 14:10
A campanha tem como objetivo a prevenção ao suicídio -  (foto: Divulgação/José Gonçalo)
A campanha tem como objetivo a prevenção ao suicídio - (foto: Divulgação/José Gonçalo)

A campanha Setembro amarelo, iniciativa mundial que busca alertar e conscientizar a população a respeito do suicídio e suas formas de prevenção recebe novamente o apoio do Templo da Boa Vontade (TBV), uma das Sete Maravilhas de Brasília.

O TBV vai começar a realizar uma Corrente Ecumênica de Orações em favor da vida, a partir de 1° de setembro. Por conta do distanciamento social, este ano, a programação será on-line e todos os dias de setembro, às 18h, os interessados poderão acompanhar as orações pelo site. Além disso, todos os serviços foram adaptados e as equipes de trabalho continuam atuando por meios digitais para atender as pessoas que precisam de ajuda espiritual.

Além do site, os serviços do TBV estão disponíveis nos canais que transmitem a programação do Templo da Paz entre eles, o aplicativo Boa Vontade Play; a Super Rede Boa Vontade de Rádio (FM 88,9 kHz); a Boa Vontade TV (pelo canal 41.1 – Novo Gama/GO);

Os peregrinos e frequentadores do Templo da Boa Vontade e todos os interessados podem, além de acompanhar as mensagens e orações, também fazer o agendamento de uma Cruzada do Novo Mandamento de Jesus em seus lares, sob a condução de um pregador ecumênico do TBV via internet.

Programação especial no Setembro Amarelo:

Todos os dias, às 18 horas: transmissão ao vivo da Hora do Angelus, Hora da Ave, Maria.

Todos os dias, das 8 às 00h: atendimento de Valorização à Vida, contra o suicídio

Aos sábados, às 16h45: transmissão ao vivo da Cruzada do Novo Mandamento de Jesus.

Outras informações podem ser obtidas via WhatsApp: 3114-1070

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação